Barão de São João volta a ter caminhadas com arte

Festival terá lugar entre 1 e 3 de Novembro

A arte e as caminhadas voltam a juntar-se em Barão de São João, em Lagos, na segunda edição do festival de caminhadas “Walk & Art Fest”, que vai decorrer entre 1 e 3 de Novembro.

A pequena aldeia, marcada por ser a “casa” de muitos artistas e por se situar junto à Mata Nacional com que partilha o nome, volta a acolher este evento organizado pela Câmara Municipal de Lagos e a Associação Almargem.

Ao todo, há 63 atividades, que vão desde caminhadas,algumas delas temáticas (botânica, geologia, arqueologia, património, birdwatching), atividades de educação ambiental para os mais novos, workshops, atividades de bem-estar (Yoga, Qi Gong – Chi Kung, Luohan QiGong, Tai Chi, Meditação) e convívios onde não faltará música.

Este ano, será possível realizar dois percursos do novo Centro de BTT de Lagos, infraestrutura que funciona a partir do Centro Cultural de Barão de São João e integra 300 quilómetros de percursos cicláveis, na Mata e fora dela, bem como fazer uma visita guiada à Capela do Monte, obra do arquiteto Álvaro Siza Vieira, novidades desta segunda edição.

Tudo isto será aliado a «uma forte componente artística, cuja dinamização estará a cargo dos artistas locais que fazem de Barão de São João uma aldeia inesquecível e especial», segundo a organização.

«Estes artistas estarão envolvidos na dinamização de atividades que vão desde contos na Mata, performance artística, “Caminhar e Desenhar na Mata”, um percurso artístico e “Arte com Feltro”. Todos os participantes serão também convidados a visitar uma exposição composta por 30 peças de 14 artistas diferentes, instaladas num percurso que passa pela aldeia, pela Mata e que culmina no Centro Cultural, sede do evento», acrescentaram.

Por outro lado, será realizada uma ação de conservação de natureza na Mata Nacional. Os participantes no evento são convidados a associar-se às atividades desenvolvidas pelos técnicos do Instituto de Conservação da Natureza e Florestas, que vão dinamizar ações de Controlo de Plantas Invasoras, durante as quais se voltará a semear as áreas onde a sementeira realizada no ano passado não teve sucesso.

As inscrições para as diferentes atividades abriram hoje e podem ser efetuadas no site do evento.

A iniciativa integra o calendário do evento Algarve Walking Season (AWS) onde se incluem os outros dois festivais de caminhadas existentes na Região (Walking Festival Ameixial e o Festival de Caminhadas de Alcoutim).

O AWS é uma iniciativa coordenada pela Cooperativa QRER – Cooperativa para o Desenvolvimento dos Territórios de Baixa Densidade, aprovada ao abrigo de uma candidatura da Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior, promovida pelo Turismo de Portugal/Região de Turismo do Algarve.

Em 2019, o evento conta, tal como na 1ª edição, com várias parcerias com empresas de animação turística e entidades oficiais que irão dinamizar muitas destas ações gratuitamente.

Comentários

pub
pub