Academia da MOJU vai ajudar a capacitar jovens de Olhão

Sede do projeto “AJO – Academia para capacitação do/a Jovem de Olhão” é inaugurada no dia 12

A sede da “AJO – Academia para capacitação do/a Jovem de Olhão”, o mais recente projeto da MOJU – Associação Movimento Juvenil em Olhão, vai ser inaugurada no dia 12.

Este é um espaço dirigido a crianças e jovens dos 11 aos 30 anos, situado no bairro 16 de Junho, em Olhão, mais precisamente na rua da Feira.

«O projeto AJO incide sobre a problemática social do insucesso escolar e profissional das crianças e jovens. Para tal, o espaço da Academia Jovem terá 4 valências: apoio ao estudo aos jovens em risco de insucesso e/ou abandono escolar; ações de formação/capacitação; atividades de ocupação dos tempos livres orientadas; e criação de projetos», descreve a MOJU.

Segundo Nuno António, coordenador da Academia, «o impacto gerado pelo projeto irá contribuir para o aumento das habilitações dos jovens da área de intervenção, para diminuir o desemprego juvenil e para promover a sua participação ativa na sociedade, aliando o desenvolvimento de competências a um maior bem-estar e à adoção de estilos de vida mais saudáveis».

O plano de trabalhos do projeto AJO será implementado ao longo de 3 anos, tendo iniciado em Janeiro de 2019. Conta com a parceria estratégica do Município de Olhão enquanto investidor social, sendo cofinanciado no âmbito do Programa Parcerias para o Impacto do Portugal Inovação Social, ao abrigo dos fundos comunitários do CRESC Algarve 2020.

Catarina Arraes, presidente da Associação, considera que «o envolvimento dos jovens no desenvolvimento das suas comunidades é fundamental para aumentar o sentimento de pertença e para promover uma cidadania ativa».

«Este envolvimento não deve ser visto apenas como um apoio a atividades voltadas para os jovens, mas sim numa dimensão mais ampla, onde a juventude tem um papel ativo e é um ator fundamental no desenvolvimento da comunidade», acrescentou.

Comentários

pub
pub