Pacto de Desenvolvimento Local 2030 vai ser apresentado em Campo Maior

Vai estar em discussão o presente e o futuro do instrumento DLBC

O Pacto de Desenvolvimento Local 2030 vai ser apresentado, no dia 12 de Julho, no Centro Cultural de Campo Maior. Este será um momento de balanço, reflexão, partilha e valorização dos territórios, que «permitirá olhar para o passado, analisar o presente e perspetivar o futuro do instrumento DLBC (Desenvolvimento Local de Base Comunitária.

«O apoio a mais de 30.000 projetos em diversos setores, o fortalecimento de dinâmicas locais e a promoção da competitividade e da coesão territorial dos territórios, são a marca de 28 anos de trabalho dos Grupos de Ação Local nos territórios e com as comunidades, através do LEADER/DLBC», explica a Federação Minha Terra, que reúne os vários grupos de Ação Local (GAL).

De acordo com a federação, «atualmente, no período de programação de fundos comunitários 2014-2020, a implementação do Desenvolvimento Local de Base Comunitária tem sofrido com a centralização e a burocratização dos procedimentos, com prejuízos para os territórios e as comunidades».

Por isso, os GAL «deram início a uma ampla discussão sobre o futuro do Desenvolvimento Local de Base Comunitária (DLBC) que conduziu à elaboração do Pacto Desenvolvimento Local 2030, onde se afirmam os princípios do LEADER/DLBC e se lança o desafio ao futuro período de programação 2021-2027 de dar voz e ouvidos às comunidades, reforçando o seu papel no desenvolvimento dos territórios e reafirmando o valor acrescentado que as associações de desenvolvimento local imprimem a este processo».

O Pacto Desenvolvimento Local 2030, já reuniu a subscrição de mais de 850 organizações como autarquias locais, empresas, associações de agricultores, empresariais, sociais, ou culturais, que pretendem assim demonstrar o seu apoio aos processos de desenvolvimento local e à necessidade de mobilização de financiamentos e instrumentos adequados à intervenção dos Grupos de Ação Local.

A sessão de apresentação, conta com o apoio do Município de Campo Maior.

Comentários

pub
pub