Manifestação e vigília exigem Hospital de Portimão com melhores condições

Duas iniciativas em dias próximos

Uma vigília, das 18h00 desta sexta-feira, dia 12, até às 18h00 de sábado, dia 13, e uma manifestação, também no sábado, vão exigir melhores condições no Hospital de Portimão. 

A vigília, que vai decorrer em frente ao Hospital, é organizada pelo movimento de Amigos dos Hospitais do Barlavento Algarvio.

Já a manifestação, que tem como promotor o grupo Portimão Sempre, tem como ponto de concentração o largo da Câmara Municipal, às 15h00, havendo depois uma marcha pelas ruas da cidade até ao hospital.

«Esta iniciativa ocorre na sequência de notícias extremamente preocupantes acerca do fecho de serviços prestados à comunidade, devido à ausência de médicos para assegurar as escalas, com especial incidência, nos serviços de Obstetrícia e Pediatria, que tem implicado a transferência de gestantes em trabalho de parto para outros hospitais, tendo havido, inclusivamente, ocorrências de transferências para fora da região, o que coloca em causa a saúde das pessoas necessitadas deste tipo de serviços», diz a organização.

O que se pretende é, então, alertar a «tutela governamental para esta situação».

«Deste modo, irá dar-se um prazo de uma semana, para que um dos membros pertencentes ao Governo venha a Portimão anunciar medidas efetivas».

A organização desta manifestação promete que, se tal não aconteça, vai «endurecer o tom do protesto».

Comentários

pub
pub