Passado e futuro de mãos dadas nos 105 anos de São Brás de Alportel

Concerto de Anjos foi um dos pontos altos da festa

A recordação e distinção de quem fez pelo concelho, no passado, mas também um olhar para o futuro marcaram as comemorações dos 105 anos da elevação de São Brás de Alportel, que se celebraram sábado, dia 1 de Junho.

A festa contou com alguns momentos especiais, nomeadamente a atribuição da insígnia municipal de honra, com a entrega da chave do município, a sete antigos presidentes de Assembleia Municipal, no pós 25 de Abril de 1974.

Por outro lado, foi atribuída a insígnia municipal de valor e altruísmo a 20 associações locais em atividade há 25 ou mais anos e ainda à Federação Portuguesa de Petanca, sediada no concelho há mais de um quarto de século, sendo a única federação portuguesa sediada no Algarve.

O executivo camarário aproveitou, ainda, para apresentar duas obras, a requalificação do Troço Sul da Avenida da Liberdade e a construção do novo Terminal Rodoviário “Circular”, «projetos estruturantes na estratégia de desenvolvimento do concelho, que tem a mobilidade como um eixo central», segundo a Câmara de São Brás de Alportel.

«Devemos ter orgulho de pertencer a esta comunidade, que honra o seu passado e os seus ideais republicanos e democráticos, que transmite de geração em geração a importância da defesa dos seus valores de abnegação e altruísmo, que afirma a sua identidade e que com estes alicerces constrói o seu futuro», ilustrou o presidente da autarquia são-brasense Vítor Guerreiro, durante a cerimónia solene do dia do concelho.

As comemorações contaram, ainda, com um conjunto de atividades para as crianças, que partilham o dia com o município de São Brás de Alportel, com um concerto de Anjos e com um fogo de artifício.

 

Fotos: Câmara de São Brás de Alportel

Comentários

pub
pub