Mais turistas britânicos em Maio não compensam diminuição de alemães e holandeses

Taxa de ocupação diminuiu em relação a Maio de 2018

Houve mais turistas britânicos, mas (muito) menos alemães e holandeses no Algarve, em Maio, mês marcado por uma descida de 1,8 pontos percentuais na taxa de ocupação global média/quarto das unidades de alojamento da região.

No seu já tradicional resumo mensal da evolução do turismo, na região, a Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA) revelou que a taxa de ocupação se fixou nos 69,8%, em Maio de 2019.

«Os mercados que mais contribuíram para a descida verificada foram o alemão (-29,6%), e o holandês (‑29,3%). O mercado britânico apresentou uma subida de 6%», segundo a associação empresarial.

Já o volume de vendas «manteve-se inalterado face ao ano anterior».

A AHETA revelou, ainda, que desde o início de 2019 «a taxa de ocupação quarto regista uma subida média de 1,1% e o volume de vendas um aumento de 3,5%» em relação a igual período de 2018.

Comentários

pub
pub