Homem que viveu em Faro, Portimão e Olhão detido por pornografia de menores

Ficheiros eram partilhados na Internet

Um homem, de 44 anos e nacionalidade estrangeira, foi detido pela Diretoria do Sul da Polícia Judiciária (PJ) pelo crime de pornografia de menores. 

A PJ, «na sequência de informação prestada por organismo internacional, recolheu elementos de prova que levaram à detenção em flagrante delito» deste homem.

Ao detido, foram encontrados e apreendidos, em suporte informático, uma quantidade significativa de ficheiros, em fotografia e vídeo, de cariz pornográfico, envolvendo crianças, com idade inferior a 14 anos, em nudez integral e na prática de atos sexuais explícitos.

Esses ficheiros eram partilhados na Internet.

O arguido, desempregado, estava já referenciado internacionalmente pela prática deste crime.

Por essa razão mudava frequentemente de casa, tendo residido em Faro, Olhão e Portimão, «utilizando sempre os serviços de internet das residências que ocupava, registados em nome de terceiros, para não ser detetado».

A detenção ocorreu no âmbito de uma investigação tutelada pelo Ministério Público – Departamento de Investigação e Ação Penal de Olhão, onde o homem vai ser presente para aplicação de medidas de coação.

Comentários

pub
pub