Crise do plástico debatida num encontro na Universidade do Algarve

Encontro juntará representantes de diferentes setores da sociedade civil

Debater a crise do plástico e lançar iniciativas para um “Algarve + saudável” é o objetivo de um encontro que decorrerá no dia 6 de Junho, às 10h00 no Grande Auditório de Gambelas da Universidade do Algarve, em Faro, que juntará representantes de diferentes setores da sociedade.

O evento “Algarve + saudável” inicia-se com o lançamento oficial da Campanha “Plásticos à vista – Livre-se dessa espécie”, uma iniciativa da DECO/Algarve com o objetivo de sensibilizar o consumidor para a redução do consumo de plástico.

Às 10h30, os plásticos marinhos no Algarve vão ser discutidos por representantes de diversos setores da sociedade, nomeadamente Adelino Canário (diretor do Centro de Ciências do Mar- CCMar), Carolina Gouveia, representante da DECO, um aluno do Agrupamento de Escolas Tomás Cabreira, Paulo Gouveia da Costa, presidente da Conselho de Administração da FAGAR, João Fernandes, presidente da Região de Turismo do Algarve, José Pacheco, diretor da Agência Portuguesa do Ambiente (APA) do Algarve, Jorge Botelho, presidente da AMAL, e Alexandra Teodósio, vice-reitora da UAlg.

Às 12h15, no Átrio do Grande Auditório, será inaugurada a exposição “Plástico à vista!”, uma interpretação artística sobre a crise do plástico, desenvolvida pelos alunos do Agrupamento de Escolas Tomás Cabreira.

Para os organizadores do evento «a crise do plástico é um dos maiores desafios que a sociedade enfrenta atualmente, com efeitos avassaladores sobre o Oceano».

Assim, o principal objetivo desta iniciativa, organizada pela UAlg, CCMar e Deco/Algarve, «é discutir esta problemática e possibilitar a troca de ideia entre todos os participantes».

Comentários

pub
pub