Olhanense-Casa Pia acabou mais cedo por distúrbios

Olhanense esteve a ganhar, mas viu o Casa Pia dar a volta ao resultado

O jogo entre Olhanense e Casa Pia, da série D do Campeonato de Portugal de futebol, disputado este domingo, 14 de Abril, teve de acabar mais cedo devido a distúrbios entre os adeptos do clube algarvio e o banco de suplentes do Casa Pia. 

Segundo conta o jornal A Bola, o jogo foi interrompido aos 81 minutos, pouco tempo depois do segundo golo do Casa Pia que deu, então, a vantagem de 1-2.

Nos festejos, Sandro Gomes, guarda-redes suplente, e o avançado Evandro Roncatto, do Casa Pia, terão feito gestos obscenos para a bancada do Olhanense, que jogava em casa, e os adeptos ameaçaram invadir o campo.

Neste cenário, «o árbitro pediu a presença da PSP que acabaria por não chegar, no prazo de 30 minutos», diz, por sua vez, o jornal Record. Por considerar não estarem reunidas as condições, o juiz deu a partida como terminada.

Agora espera-se a decisão da Federação Portuguesa de Futebol em relação a quando serão jogados os minutos restantes.

Nos outros jogos da jornada, envolvendo equipas algarvias, o Louletano alcançou uma importante vitória por 1-0 frente ao Oriental, candidato à subida.

Já o Ferreiras perdeu no terreno do Moura (0-1) e o Armacenenses empatou 1-1 na casa do 1º de Dezembro.

Para ver os resultados completos e classificação, clique aqui.

Comentários

pub
pub