180 quilos de peixe apreendidos em VRSA

Parte do peixe apreendido foi entregue a uma instituição de solidariedade

180 quilos de peixe e duas artes de pesca de arrasto, do tipo ganchorra. Estas foram as apreensões feitas pela Polícia Marítima, esta quarta-feira, 10 de Abril, numa ação de fiscalização entre a barra do Rio Guadiana e a Praia da Manta Rota, em Vila Real de Santo António. 

Esta ação foi «dirigida à atividade da pesca profissional por arte de arrasto com ganchorra rebocada por embarcação», explica a Autoridade Marítima Nacional.

​Desta ação resultou a fiscalização de sete embarcações de pesca profissional em atividade.

Das fiscalizações resultou também a elaboração de quatro autos de notícia, que deram origem à instauração dos respetivos processos de contraordenação, pela prática de várias infrações, como utilização artes proibidas e com caraterísticas ilegais, exercício da pesca profissional sem declarar em diário de pesca, utilização de artes sem marcação nem sinalização, calar artes de pesca sem respeitar outras já colocadas naquele local e tentativa de fuga à primeira venda em lota.

Parte do peixe apreendido foi entregue a uma instituição de solidariedade, tendo o restante sido vendido em lota, com o valor a reverter para o Estado.

Estiveram envolvidos nesta ação quatro elementos da Polícia Marítima e um elemento da Capitania de Vila Real de Santo António, apoiados por uma embarcação da Polícia Marítima.

Comentários

pub
pub