Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas investe 4,7 milhões para conhecer habitats

ICNF considera cartografia «essencial para a realização dos planos de gestão dos Sítios de Interesse Comunitário

O Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas vai avançar com a contratação de Cartografia dos Tipos de Habitats Naturais e Seminaturais dos Sítios de Importância Comunitária, beneficiando de um financiamento do Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR).

O financiamento de 4,7 milhões de euros do POSEUR, programa gerido pelo Ministério do Ambiente e da Transição Energética, assegura ainda realização dos respetivos Planos de Gestão.

Com a realização da cartografia, considerada pelo ICNF como «essencial para a realização dos planos de gestão dos Sítios de Interesse Comunitário (SIC), atualiza-se o conhecimento sobre a distribuição dos habitats naturais e seminaturais em Portugal».

O mapeamento permitirá ainda «determinar o grau de conservação de uma seleção desses valores naturais, cuja condição a nível nacional merece uma atenção especial».

Os Planos de Gestão vão também «contribuir para a gestão eficaz e integrada dos SIC, assegurando as condições necessárias ao restabelecimento ou manutenção da integridade do sítio, face às exigências ecológicas dos valores que relevaram para a sua designação», acrescenta o ICNF.

A elaboração dos Planos de Gestão prevê o «envolvimento da sociedade civil e académica, promovendo o conhecimento dos valores naturais quer associado à biodiversidade, quer em relação aos ecossistemas».

 

Clique aqui para saber quais são os Sítios de Importância Comunitária em Portugal Continental

 

Comentários

pub
pub