Estudantes algarvios que conheceram refugiados na Grécia contam a história em livro

Gonçalo Jacob, Cátia Orvalho, Luísa Lino e Rafael Pina já venceram prémio de comunicação “Pela Diversidade Cultural”

O livro “Rostos de Guerra”, escrito por quarto ex-alunos da Escola Secundária Pinheiro e Rosa, de Faro, vai ser lançado, no próximo dia 10 de Fevereiro, às 16h00, na FNAC do Fórum Algarve.

O grupo de estudantes composto por Gonçalo Jacob, Cátia Orvalho, Luísa Lino e Rafael Pina, que concluiu recentemente o ensino secundário, lembra que «tudo começou num projeto escolar Erasmus+, que nos levou à Grécia em 2017, onde tivemos contacto com refugiados sírios. A viagem marcou-nos de tal forma que decidimos começar a escrever».

Segundo os autores, «a pouco e pouco, os nossos textos cresceram, deram origem a uma edição escolar e começamos a participar em diversos eventos, como o Festival Literário Internacional de Querença, até que, ainda em 2017, vencemos o prémio de comunicação “Pela Diversidade Cultural” na categoria Jovem, promovido pelo Alto Comissariado para as Migrações».

Os jovens continuaram a escrever e, «passado algum tempo, decidimos publicar todos os textos que tínhamos escrito, desta vez através de uma editora. Culmina assim esta aventura no lançamento do livro», concluem.

Comentários

pub
pub