Carnaval, Contrabando e muito mais animam o Algarve em Março

Desfiles de Carnaval e o Festival do Contrabando são dois dos eventos que constam de mais uma edição do “Guia Algarve” da RTA

Março será um mês marcado pela folia do Carnaval e pelo Contrabando, mas também por saberes e sabores, tradições, desporto e muita cultura. A Região de Turismo do Algarve já lançou a edição de Março do “Guia Algarve”, que vai ajudar residentes e visitantes a não perder pitada do que se passa na região.

Ao todo, são mais de um centena as iniciativas sugeridas pelo “Guia Algarve” de Março, entre música, teatro, exposições, dança, desporto e feiras.

Nesta edição, o foco vai para as celebrações carnavalescas, desde os tradicionais corsos ao enterro do Entrudo, que acontecem entre 2 e 6 de Março, em diversas localidades do litoral à serra algarvia. O secular Carnaval de Loulé, o “Carnaval Trapalhão” de Ferreiras, o Carnaval de Portimão e o Carnaval de Altura são algumas das iniciativas destacadas pela RTA.

O guia realça também a Feira dos Enchidos de Monchique que, entre 2 e 3 de Março, celebra os sabores e as tradições desta vila serrana. Milhares de visitantes são esperados neste evento que tem como protagonistas os enchidos, bem como o mel, o medronho, a doçaria e o artesanato. O programa da feira fica composto com as atuações da fadista Carminho (dia 2, às 22h00) e de Sara Tavares (dia 3, às 19h00).

O desporto faz também capa no «Guia Algarve» com a 7ª edição do Algarve Bike Challenge, a mais importante e mediática prova por etapas em BTT que, entre os dias 8 e 10, levará centenas de ciclistas a percorrer o interior algarvio.

E, claro, há as propostas do programa “365Algarve”, entre as quais se destaca o Festival do Contrabando, que acontece em Alcoutim (Portugal) e Sanlúcar de Guadiana (Espanha), entre 29 e 31 de Março. Neste evento, os visitantes são convidados a (re)viver as tradições de contrabando das vilas transfronteiriças através de muita animação, história, artes e cultura.

 

 

«Cristina Branco (dia 1, 21h30, Cine-Teatro Louletano em Loulé), a prestigiada Glenn Miller Orchestra (dia 10, 17h00, Teatro das Figuras em Faro), Carolina Deslandes (dia 22, 21h30, no Auditório Municipal de Olhão) e Luís Represas (dia 22, 21h30, no Auditório Municipal de Albufeira) são alguns dos consagrados nomes que passarão pelos palcos algarvios durante este mês», segundo a RTA.

Ainda na música, o Algarve receberá artistas de todo o mundo em eventos como o 3º Festival Internacional Guitarras de Faro (entre dias 3 e 31) e a XXVIII Gala Internacional do Acordeão em Albufeira (de 14 de Março até 4 de Abril), com espetáculos a acontecer em diversas localidades destes dois concelhos.

«Durante todo o mês o humor será o rei. O Centro Cultural de Lagos recebe o FEST’RIR com Bruno Nogueira (dia 01), Salvador Martinha (dia 02) e Aldo Lima (dia 16); o Centro de Congressos do Arade é tomado por João Baião e Marina Mota na peça “Eu saio na próxima, e você?”, no dia 15; e o Auditório Municipal Carlos do Carmo em Lagoa é palco do HumorFest’2019 nos dias 16, 21, 22, 23, 29 e 30. Todos estes espetáculos terão início às 21h30», acrescentou a RTA.

Os apreciadores de artes plásticas não foram esquecidos e terão ao dispor novas exposições, nomeadamente as mostras “No caminho do lince ibérico” (entre os dias 1 e 31, no Castelo de Silves); “Mixtura”, com pinturas e esculturas de Rian Helmik e Anna Knoop (de 02 a 31 de Março, na Galeria Municipal de São Brás de Alportel); “O Peso da Cor”, com pinturas de Raquel Taquelim d’Almeida (entre os dias 2 e 30, na Galeria de Arte Pintor Samora Barros em Albufeira); e Cerâmicas de Alcoutim (de dia 8 a 25, na Casa dos Condes em Alcoutim).

 

 

No campo das artes performativas e dança, o Algarve é o palco escolhido para receber o espetáculo “A meio da noite” da companhia Olga Roriz (Loulé, Cineteatro Louletano, dia 15, 21h30).

E como tem sido hábito nos últimos anos, Março é um dos meses em que o «365Algarve» faz das suas e traz ao Algarve espetáculos e eventos únicos. «São exemplo o “Material Men Redux”, de Shobana Jeyasingh Dance, nascido da simbiose entre a dança clássica indiana e o hip-hop, que acontece dia 23, às 21h30, no Cineteatro Louletano, integrado na vasta programação dos V Encontros do Devir, e o «Jazz nas Adegas» com Paulo Strak Trio (dia 8 às 21h30 e dia 9 às 17h00, no Barranco do Vale, em Silves) e Tamal Hot Band (dia 15 às 21h30 e dia 16 às 17h00, no Convento do Paraíso, em Silves).

Março marca também o arranque de mais uma edição do Festival Internacional de Música do Algarve, no dia 31 no Cineteatro Louletano, e conta ainda com o virtuosismo de Filipe Pinto-Ribeiro em mais um recital do Festival Internacional de Piano do Algarve, no dia 30 de março, no TEMPO, em Portimão.Com o selo deste programa destaque ainda para o «Ventania» – Festival de Artes Performativas com temáticas ligadas ao ambiente e à cidadania, que decorre entre 22 e 24 de março, em Lagos, Portimão e Sagres.

O «Guia Algarve» é uma publicação bilingue (português e inglês) com uma tiragem de 50 mil exemplares e distribuição gratuita em hotéis, agências de viagens, postos de turismo, aeroporto de Faro, rent-a-car, campos de golfe da região. Também pode ser descarregada aqui.

Comentários

pub
pub