Criação do Coro da Orquestra Clássica do Sul é grande novidade de 2019

Já há datas para a estreia do Coro

Foto: Martyna Mazurek | Sul Informação

A criação do Coro da Orquestra Clássica do Sul (OCS) é uma novidade de 2019 e um projeto «único no Sul do país», com estreia marcada para 7 de Junho. 

Este coro, diz a OCS, «vai permitir alargar o leque de produções que podem ser apresentadas pela Orquestra Clássica do Sul, além das novas experiências que esta oportunidade vai proporcionar aos participantes».

O coordenador e preparador vocal deste projeto será Rui Baeta, reconhecido barítono português, que se alia à Orquestra Clássica do Sul «para esta desafiante iniciativa».

Ciente de que o coro da OCS terá um «percurso de desenvolvimento muito inspirador», Rui Baeta prepara-se para coordenar um coro misto para acompanhar a orquestra em alguns concertos da sua temporada artística, mediante a interpretação de reportórios próprios para coro e orquestra.

O primeiro ensaio oficial do coro da OCS terá lugar no dia 4 de Fevereiro e as primeiras atuações já estão agendadas.

Os concertos de estreia terão lugar no dia 7 de Junho, no Grande Auditório de Gambelas da Universidade do Algarve, em Faro, e no dia 8 de Junho, na Igreja do Carmo em Tavira.

Ambos os momentos terão direção orquestral pelo maestro Rui Pinheiro e será interpretado “Gloria em Ré maior, RV 589”, de Antonio Vivaldi, uma obra-prima para coro e orquestra.

Em paralelo a esta iniciativa, Rui Baeta disponibiliza ainda um número limitado de vagas para aulas individuais de canto lírico, para quem desejar aperfeiçoar a sua técnica vocal. A participação nestas aulas implica o pagamento de um valor acordado com o formador.

O coro da OCS, enquanto formação não profissional, aceita inscrições de pessoas com ou sem experiência em canto coral e com idade mínima de 18 anos. As inscrições são gratuitas, decorrem até 31 de Janeiro de 2019 e devem ser formalizadas através do envio de uma candidatura para o e-mail coro@ocs.pt com a indicação dos seguintes dados: nome, idade, nacionalidade, localidade de residência, profissão (em caso de reforma ou desemprego, indicar a última função exercida) e um breve resumo das atividades musicais desenvolvidas/experiência na área.

Comentários

pub