Antiga Estação de Lagos vai ser vendida e PCP quer que seja a Câmara a comprá-la

A desafetação, tendo «como finalidade a alienação», do antigo edifício da Estação da CP de Lagos já foi oficializada

O PCP quer que o antigo edifício da Estação da CP de Lagos, que foi recentemente desafetado do domínio público ferroviário e será vendido, seja adquirido pela Câmara de Lagos.

Para os comunistas lacobrigenses, «exige-se que a Câmara Municipal de Lagos exerça o seu direito de preferência a quando da alienação do edifício da antiga estação de Lagos da CP, na defesa, manutenção e valorização do nosso património colectivo».

A desafetação do antigo edifício da estação do domínio público, tendo «como finalidade a alienação», foi determinada num despacho da Secretaria de Estado do Tesouro e das Infraestruturas, publicado em Diário da República a 28 de Dezembro.

«Ora este edifício é hoje uma das mais importantes referências do património histórico/cultural de Lagos, não só pela sua qualidade arquitectónica, tendo sido considerada, nesses tempos, a melhor estação ferroviária do sul, como pela decisiva participação que a construção do ramal ferroviário de Lagos representou no desenvolvimento e progresso do Concelho», considera o PCP de Lagos.

Assim, «o edifício da antiga estação de Lagos da CP obriga a todas as medidas para o manter na qualidade de memória colectiva, tanto de residentes como de visitantes».

Os comunistas lembraram que, «em vários mandatos e ocasiões, os eleitos da CDU têm proposto a classificação deste edifício como de interesse concelhio, recebendo sempre a oposição e o voto contra do PS».

Comentários

pub
pub