Seminário em Olhão mostra novos caminhos na avaliação de perturbações de desenvolvimento em crianças

Evento é promovido pela APPC Faro em parceria com a Universidade do Algarve

O “Desenvolvimento da função cerebral em crianças com perturbações de desenvolvimento: Novos caminhos na avaliação” é o tema de um seminário que vai decorrer no próximo dia 8 de Dezembro, às 9h30, no auditório do Colégio Bernardette Romeira, em Olhão, promovido pela APPC Faro, em parceria com a Universidade do Algarve.

Esta iniciativa «pretende dar a conhecer às famílias e à comunidade em geral da região do Algarve, novas abordagens e metodologias terapêuticas em perturbações do desenvolvimento, bem como, novas tecnologias de avaliação e a influência da alimentação sobre o desenvolvimento cerebral e global da criança».

Para isso o programa conta a participação de Manuela Quintas, do Instituto Português de Neuroterapia, e de Daniela Seabra, da área da Nutrição Funcional, que afirma que «uma alimentação saudável é fundamental para que todas as crianças tenham um crescimento e
desenvolvimento adequado. Mas no caso das crianças dentro do espectro do autismo e outras perturbações do neurodesenvolvimento ou comportamento, a alimentação ganha ainda mais importância, pois pode ter um importante efeito terapêutico, removendo o que faz mal, e dando as peças metabólicas para que o organismo destas crianças responda de forma mais eficaz às diferentes terapias comportamentais».

Manuela Quintas, por seu lado, irá abordar o desenvolvimento do cérebro da criança, as perturbações de desenvolvimento, avaliação e as várias dimensões da intervenção neuroterapêutica.

As inscrições poderão ser feitas aqui .

Comentários

pub
pub