UAlg volta a destacar-se em ranking internacional nas áreas das Ciências da Vida e da Saúde

Projeção internacional da Universidade do Algarve ajudou à posição no ranking

Foto: Pablo Sabater/Sul Informação

A Universidade do Algarve (UAlg) voltou a entrar no World University Rankings da Times Higher Education (THE), nas áreas de “Life Sciences” (Ciências da Vida) e “Clinical, pre-clinical and health” (Hospitalar, pré-hospitalar e saúde), anunciou hoje a academia algarvia.

Apesar do aumento do número de universidades, a Universidade do Algarve manteve a posição 401-500 na área de “Life Sciences” e ficou colocada na posição 501-600 na área de “Clinical, pre-clinical and health”.

Nas duas áreas, a UAlg «destaca-se a nível nacional no desempenho “International Outlook”, ou seja na projeção internacional, entre as 8 universidades portuguesas que estão incluídas na lista».

A edição de 2019 deste ranking por áreas, que contempla 751 universidades na área de “Life Sciences” e 721 universidades na área de “Clinical, pre-clinical and health”, «é elaborada tendo em conta as diversas valências das instituições, como ensino, investigação, projeção internacional e transferência de conhecimento», explica a Universidade do Algarve.

De acordo com os resultados disponibilizados em Setembro, a Universidade do Algarve integrou, pela segunda vez, o ranking mundial, que contempla 1258 universidades de 86 países. Este ranking já havia considerado que o ponto mais forte da Academia algarvia é a sua projeção internacional.

O ranking agora publicado por áreas volta, assim, a reforçar a projeção internacional da Academia algarvia (ver mais informação aqui).

Comentários

pub
pub