Tavira dedica semana à prevenção e controlo da diabetes

O programa contempla ações dirigidas não só a adultos e à população mais idosa, mas também atividades que envolvem os alunos das escolas de Tavira

Tavira vai assinalar a Semana da Diabetes, entre os dias 12 e 18 de Novembro, com um conjunto de iniciativas que visam sensibilizar e consciencializar a população para a prevenção e controlo da doença, bem como promover a cidadania saudável.

O programa é lançado no dia 12, com atividades dirigidas à comunidade escolar. Até dia 15, a Câmara de Tavira, que organiza a iniciativa, promove nas escolas a atividade “Hiphopkids”, um círculo humano, que terá como mote “Unidos pela diabetes”, e os ateliês “Uma família com diabetes Tipo 1”, “Dia a Dia na Diabetes” e “Vamos aprender a comer… melhor”.

No mesmo âmbito, serão dinamizadas ações com os encarregados de educação e a sessão “A família de mãos dadas pela diabetes”.

A sensibilização para a prevenção e controlo da diabetes também chegará ao interior do concelho de Tavira. No dia 13, às 10h00, será promovida em Cachopo a ação “Prevenir é o melhor remédio para a diabetes”. No dia 16, à mesma hora, a iniciativa repete-se em Santa Catarina da Fonte do Bispo.

No dia 14, em que se assinala o Dia Mundial da Diabetes, será promovida, no auditório do Clube de Tavira, a conferência “A Diabetes e a dimensão familiar”, que será precedida de uma cerimónia de celebração da efeméride, marcada para as 9h30.

Às 11h30, e já depois de um momento musical protagonizado pelos grupos de cantares “Lado a Lado” e “Avós em Movimento”, volta a ser promovida uma sessão da ação “Prevenir é o melhor remédio para a diabetes”, destinada à população adulta e sénior. A iniciativa integra rastreios por profissionais de saúde certificados.

Para o dia 18 está agendada, para as 10h00, com partida na Praça da República, a caminhada pela diabetes, a qual será antecedida pela criação do círculo humano. No local, entre as 9h00 e as 11h30, encontrar-se-á uma equipa da U.C.C. Talabriga para avaliação da tensão arterial e glicemia capilar.

«O aumento acentuado da prevalência da diabetes é preocupante, em Portugal e no mundo, pelo que importa unir esforços na luta contra a sua expansão e reduzir os danos morais, físicos e económicos associados a esta patologia», ilustra a Câmara de Tavira.

Comentários

pub
pub