PS/Faro quer melhores condições para a PSP e esquadra em Montenegro

Posição dos socialistas surge após o anúncio da transferência do Comando Territorial de GNR de Faro para Loulé

O PS/Faro defende novos equipamentos, «infraestruturas condignas» e um reforço de efeitos para a Polícia de Segurança Pública (PSP) de Faro. Os socialistas querem, ainda, o aumento da cobertura territorial da PSP à freguesia de Montenegro, com a construção de uma esquadra.

Esta são ideias defendidas pelo PS – e propostas à Câmara de Faro – devido à «existência de um aeroporto internacional, aglomerados urbanos e oferta hospitalar pública e privada», bem como devido  «à organização da procura pendular de outros lugares da região para Faro».

Segundo os socialistas, a freguesia de Montenegro, «criada há 20 anos por proposta do Partido Socialista na Assembleia da República, tem sustentado o maior crescimento populacional entre Censos, mais de 50% numa década, e conseguiu agregar e atrair os mais importantes equipamentos públicos e privados da região para a sua área de influência» como a Universidade do Algarve.

Por isso, «torna-se evidente que a PSP passe a assumir a responsabilidade, também por este aglomerado, carente de maior atenção e proximidade, considerando as dificuldades que até agora não conseguiram melhor solução, como é evidenciado pela enorme afluência de trânsito, estacionamento, população escolar crescente e fixação comercial mais exigente».

Esta posição do PS surge após o anúncio da transferência do Comando Territorial de GNR de Faro para Loulé.

Comentários

pub
pub