Exposições e recital de poesia são propostas da Festa dos Anos de Álvaro de Campos

Celebrações do “aniversário” do heterónimo de Fernando Pessoa continuam em Tavira

As exposições “O Futurismo do Nosso Passado” e “Sentir Tudo de Todas as Maneiras”, da autoria de alunos de Tavira e feitas no âmbito da Festa dos Anos de Álvaro de Campos, são inauguradas na próxima segunda-feira, 12 de Novembro, às 17h00, na Casa das Artes daquela cidade.

Enquanto que a mostra “O Futurismo do nosso passado” é da autoria de alunos da Escola Secundária Jorge Augusto Correia, a exposição “Sentir tudo de todas as maneiras” foi feita por alunos da Escola Básica D. Manuel I.

Às 18h00 há a entrega, por parte de José Baía, diretor da Escola Secundária de Tavira, de certificados aos alunos que participaram das oficinas extra curriculares de iniciação ao teatro pelo ator e professor Luís Luz, da associação Semente de Alfarroba, e na de iniciação a técnicas de gravura na Oficina Bartolomeu dos Santos.

Para as 19h00, está marcada a apresentação de “Poemas Encenados” por alunos da Secundária de Tavira. Estas exposições vão ficar patentes até 30 de Novembro.

Ainda no âmbito da Festa dos Anos de Álvaro de Campos, decorre, a 18 de Novembro, às 17h00, no Clube de Tavira, um concerto de poemas cantados de Fernando Pessoa.

No dia seguinte, 19, há um recital de poesia, pelos alunos da Escola Básica D. Manuel I, marcado para as 19h00, na Casa das Artes.

Também poderá, ainda, visitar as exposições “Personae”, patente na Casa Álvaro de Campos até 30 de Novembro, ou “Modernismo em Tavira”, na sede da A|NAFA, em Tavira.

Para mais informações, clique aqui.

Comentários

pub
pub