500 voluntários plantaram 5 mil novas árvores em Portimão

As duas ações de reflorestação que foram promovidas contaram com a participação de escolas do concelho

Portimão tem 5 mil novas árvores, desde ontem. Cerca de 500 pessoas, entre voluntários, professores e alunos de escolas do concelho e marinheiros da Corveta António Enes, ajudaram a plantar dois terrenos, no âmbito do projeto “Operação Montanha Verde 2018”, dinamizado pelo Zoomarine.

Em duas operações distintas, foram plantados 3740 árvores, entre sobreiros, medronheiros, plátanos, carvalho, cerquinho e ciprestes, junto ao Autódromo Internacional do Algarve – zona afetada por um grande incêndio em 2016 – e 1260 pinheiros-mansos e ciprestes italianos, no Ponto de Apoio Naval de Portimão.

A ação que decorreu junto ao Autódromo envolveu 400 voluntários, entre os quais alunos e professores dos Agrupamentos de Escolas da Bemposta e da Júdice Fialho, que participam, em ambos os casos, no Programa de cidadania e educação ambientais Eco-Escolas, e da Escola DUAL – Qualificação Profissional. Aqui, também marcou presença Isilda Gomes, presidente da Câmara de Portimão, Pedro Lavia, representante do Zoomarine, e o comandante da Zona Marítima do Sul, o Capitão-de-fragata Cortes Lopes.

No Ponto Naval de Portimão, as árvores foram plantadas por 40 marinheiros e 60 alunos e professores da Escola Secundária Poeta António Aleixo, do Curso Profissional de Proteção Civil e do Curso Profissional de Salvamento em Meio Aquático.

Além do trabalho voluntário, também houve lugar a animação, já que os voluntários que estiveram no Autódromo Internacional do Algarve puderam assistir performance musical do “Santuka na Mata Batucada”.

«Este trabalho terá seguimento, uma vez que é expetável que nos próximos 3 anos (2019, 2020 e 2021) se voltem a plantar mais 5.000 árvores/ano noutros locais de Portimão e, nos locais plantados serão repostas árvores, caso haja árvores que não vinguem», assegurou a Câmara de Portimão.

Fotos: Câmara de Portimão

 

Comentários

pub
pub