Universidade do Algarve coloca 345 alunos na 2ª fase e volta a contrariar tendência nacional

No total das duas fases entraram, na Universidade do Algarve, 1555 alunos

Foto: Gonçalo Dourado | Sul Informação

345 alunos foram colocados na Universidade do Algarve (UAlg) na segunda fase do Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior, cujos resultados acabam de ser divulgados. Este número significa que 68% das vagas foram ocupadas e a UAlg voltou a contrariar a tendência nacional.

Para esta fase, a UAlg tinha 504 vagas, das quais ficaram completas 345. Em comparação com a segunda fase do ano letivo passado, a academia algarvia teve menos 0,6% de colocados, mas o número residual não preocupa Paulo Águas, reitor da Universidade do Algarve.

«A nível nacional estamos a falar num contexto de quebra de 3,9%, em comparação com a 2ª fase do ano passado. Nós só descemos 0,6%. Não houve variação de negativo para positivo, mas houve uma queda menor do que no geral. Para nós é sempre muito interessante ter melhores resultados do que o resto do país», considerou, em declarações ao Sul Informação.

Na UAlg, o curso que teve mais colocados foi Psicologia (28), com o último aluno a entrar com uma média de 118,8. Psicologia esgotou, de resto, todas as vagas e foi, na primeira fase, o curso com média de entrada mais alta.

No inverso estão os cursos de Tecnologia e Segurança Alimentar e Gestão, em regime noturno, que não receberam qualquer aluno na 2ª fase.

Quanto ao curso com média mais alta de entrada do último colocado, foi Ciências da Comunicação com 134,1. Ao invés, Gestão teve o último colocado com a nota mais baixa: 101,1.

Paulo Águas

Já em termos de vagas sobraram, para a terceira fase, 223 na UAlg. Os cursos que mais vagas têm abertas são Engenharia Civil (20), Ortoprotesia (19), Tecnologia e Segurança Alimentar (19) e Gestão, em regime noturno (19).

Em termos nacionais, na segunda fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior público de 2018 foram colocados 9452 estudantes: 4796 no ensino superior politécnico e 4656 no ensino universitário.

No conjunto da primeira e segunda fases já ingressaram no ensino superior público, através do Concurso Nacional de acesso, 46070 novos estudantes.

Paulo Águas faz um balanço «muito positivo das duas fases» do concurso na UAlg porque o número de «colocados foi de cerca de 3% superior ao verificado no ano anterior».

Para a terceira fase, as expetativas na UAlg são de colocar «cerca de 50 alunos», segundo Paulo Águas.

Comentários

pub
pub