Universidade do Algarve foi a Marrocos para intensificar relações bilaterais

Comitiva visitou universidades em Rabat e Settat

Uma comitiva da Universidade do Algarve visitou Marrocos, na semana passada, «com o objetivo de intensificar o fortalecimento das relações bilaterais» com aquele país.

A comitiva, liderada por João Guerreiro, antigo reitor da UAlg, visitou, em Rabat, a Universidade Mohammed V, a Universidade Internacional e o Instituto Agronómico e Veterinário Hassan II, e, em Settat, a Universidade Hassan I.

Segundo a Universidade do Algarve, «esta visita pretendeu estreitar a cooperação em dois domínios principais: a consolidação de programas de formação avançada conjuntos e a estruturação de projetos que visem a transferência de conhecimento e empreendedorismo».

A visita serviu também para «aprofundar o conhecimento sobre os principais desafios das universidades marroquinas, tanto ao nível da formação como ao nível da valorização do conhecimento e transferência de tecnologia para a indústria, propondo ações de resposta aos desafios apresentados».

Além de João Guerreiro, participaram na visita a Marrocos representantes do CRIA – Divisão de Empreendedorismo e Transferência de Tecnologia, da Faculdade de Economia, da Faculdade de Ciências Humanas e Sociais e da Faculdade de Ciências e Tecnologias.

Comentários

pub
pub