Quercus assinala Dia da Biodiversidade com chamada de atenção para necessidade de regulamentar apanha de cogumelos silvestres

A recolha e consumo de cogumelos silvestres é «uma tradição ancestral» que, nos dias de hoje, «tem grande relevância ao […]

A recolha e consumo de cogumelos silvestres é «uma tradição ancestral» que, nos dias de hoje, «tem grande relevância ao nível da economia e da gastronomia», mas tem também «importantes implicações na conservação da biodiversidade e na ecologia dos povoamentos florestais», salienta a Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza, a propósito do Dia Internacional da Biodiversidade, que se assinala hoje, 22 de Maio.

Grande parte dos cogumelos recolhidos para consumo humano são «espécies que vivem em simbiose com espécies florestais (fungos micorrízicos) e têm grande importância na saúde e equilíbrio dos povoamentos florestais em Portugal».

Por isso, salienta a Quercus, «reina a anarquia no setor da apanha de cogumelos e na prática há uma delapidação severa deste importante recurso natural», já que «Portugal espera há mais de uma década pela regulamentação da apanha de cogumelos».

Sem a regulamentação necessária, os cogumelos «são apanhados indiscriminadamente, não tendo em conta fatores como a proteção das espécies ameaçadas, a garantia da reprodução dos fungos coletados e a saúde dos povoamentos florestais».

A Quercus salienta igualmente que «os cogumelos silvestres são um importante recurso económico que pode ter um papel determinante nas economias rurais».

Só que, «no presente, e devido à falta de atenção dada ao setor, não é possível saber qual a importância económica desta atividade, qual a quantidade de cogumelos comercializados, nem qual o estado ecológico e de conservação das diferentes espécies».

Além disso, «grande parte dos cogumelos apanhados acabam por sair do país através de esquemas ilegais».

Por tudo isto a Quercus pede ao governo que «dê a atenção necessária a este setor e que crie a regulamentação de apanha e comercialização, indispensável para promover a economia rural e para proteger as espécies de cogumelos».

Comentários

pub
pub