Harleys invadiram centro histórico de Vila Real de Santo António

O centro histórico de Vila Real de Santo António recebeu esta sexta-feira, 18 de maio, a visita de cerca de […]

O centro histórico de Vila Real de Santo António recebeu esta sexta-feira, 18 de maio, a visita de cerca de 40 motos Harley Davidsons, que se concentraram na Praça Marquês de Pombal, numa iniciativa organizada pelo 1st Algarve Free Chapters.

A presença das motas reuniu dezenas de curiosos na cidade pombalina, que puderam assim observar de perto os seus diferentes modelos. Os motards aproveitaram para conhecer o centro da cidade de Vila Real de Santo António, nomeadamente a zona comercial e de restauração.

O evento contribuiu para a promoção do turismo do concelho, uma vez que os participantes encontram-se alojados «num hotel em Monte Gordo, vêm de vários pontos do país e essencialmente do mundo», afirmou a presidente da Câmara Conceição Cabrita, em entrevista ao Sul Informação.

A presença de estrangeiros para conhecer a localidade e o concelho «é uma mais valia para que possam, futuramente, voltar cá», além de que a Câmara Municipal «não tem gastos nenhuns» com esta iniciativa e «está sempre pronta e disponível» para receber este e qualquer outro tipo de eventos, acrescentou a autarca.

Os motards ficaram com uma «imagem bastante positiva» do concelho de Vila Real de Santo António, tendo apreciado as «paisagens, os passeios e a gastronomia», como o peixe grelhado e especialidades da serra algarvia, revelou Mark Stephens, responsável pelos Free Chapters, ao Sul Informação.

As Harleys passaram por várias localidades portuguesas deste quarta-feira, tais como Mértola, Tavira e Monte Gordo. Este sábado, está previsto um passeio pelo concelho de Castro Marim e, no domingo, rumam até Cacela Velha e Faro.

Segundo a presidente da Câmara de Vila Real de Santo António, há uma forte probabilidade de, nos próximos dois anos, as Harleys Davidson estarem de regresso ao território algarvio, apesar de ser a organização «a escolher o local», que é diferente todos os anos.

A iniciativa reuniu cerca de 450 participantes oriundos de países como Portugal, Brasil, Vietname, Bélgica, África do Sul, Luxemburgo, Canadá, França, Polónia, Itália, Grécia e Hungria.

Este encontro de amantes da marca norte-americana de motas tem como objetivo criar laços de amizade entre os motards e descobrir vários pontos do mundo e respetivas culturas.

 

Fotos: Gonçalo Dourado | Sul Informação

Comentários

pub
pub