Júlio Resende e Mário Laginha dão concertos em Albufeira

Albufeira vai assinalar o Dia Internacional do Jazz, com um concerto do pianista Júlio Resende, no dia 28 de Abril, […]

Albufeira vai assinalar o Dia Internacional do Jazz, com um concerto do pianista Júlio Resende, no dia 28 de Abril, e outro de Mário Laginha, no dia 30, ambos com início às 21h30 no Auditório Municipal.

O programa de festividades arranca, então, no dia 28 com o espetáculo inédito “Fado Ensemble”, pelo pianista Júlio Resende.

No dia 30, o Trio de Jazz de Loulé convida Mário Laginha para partilhar o palco, num encontro especial a dois pianos, a que se junta a secção rítmica do Trio.

Depois do sucesso do disco “Amália por Júlio Resende”, a paixão do pianista pelo Fado não arrefeceu e o músico apresenta agora um espetáculo inédito: “Fado Ensemble”, um projeto que multiplica as possibilidades musicais do Fado a partir do piano, guitarra e braguinha, contrabaixo, bateria e percussões.

Em palco para este concerto, a acompanhar Júlio Resende (piano), vão estar André Rosinha (contrabaixo), Pedro Segundo (bateria e percussões) e André Santos (guitarra e braguinha).

«Às vezes, de surpresa, como no destino, aparecem convidados para se juntar à festa, às vezes não. Mas o mais importante é que este Fado é livre e espontâneo, com garra, folia e força suficiente para expressar as alegrias e as aflições presentes na vida – e também no Fado», diz o algarvio Júlio Resende.

Quanto ao espetáculo, a música apresentada terá um cariz de fado «muito forte mas ao mesmo tempo também muito pessoal. Ao contrário do “Amália”, cujos temas já todos conhecíamos da memória coletiva, aqui alguns temas são originais, outros não, mas tudo passa por olhar o fado de um modo muito pessoal».

A 30 de Abril (segunda-feira), data em que se assinala mesmo o Dia Internacional do Jazz, Mário Laginha e o Trio de Jazz de Loulé «prometem extasiar o público com um concerto muito especial», diz a Câmara de Albufeira.

O «tão esperado encontro» em palco entre um dos mais aclamados músicos portugueses, Mário Laginha, e o projeto que o próprio criou e viu crescer, o Trio de Jazz de Loulé, vai acontecer em Albufeira, a partir das 21h30, no Auditório Municipal, constituindo o ponto alto das comemorações do Dia Internacional do Jazz.

O Trio de Jazz de Loulé, composto por António Quintino (contrabaixo), João Coelho (piano) e João Pereira (bateria) resultou de um concurso nacional promovido pelo Município de Loulé. Os três jovens músicos destacaram-se entre os da sua geração na cena de jazz do País, tendo oficializado esta formação em 2016.

Apadrinhado por Mário Laginha, presidente do júri do concurso, o projeto tem como principais objetivos o de explorar a versatilidade de estilos a interpretar e o de comunicar a linguagem do Jazz a um público cada vez mais
alargado e heterogéneo.

Os bilhetes custam 5 euros e já estão à venda na Câmara Municipal/ Centro de Informação Autárquica ao Consumidor e na Biblioteca Municipal Lídia Jorge, nos dias úteis, das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 16h00. Podem ainda ser adquiridos no próprio dia dos espetáculos,entre as 19h30 e as 21h15.

Comentários

pub
pub