Depressão Irene não traz chuva ao Algarve, mas agitação marítima põe região sob aviso amarelo

A depressão Irene, centrada a norte do arquipélago dos Açores, não vai trazer mau tempo ao continente, mas vai provocar […]

A depressão Irene, centrada a norte do arquipélago dos Açores, não vai trazer mau tempo ao continente, mas vai provocar um aumento da agitação marítima na costa ocidental, a partir desta terça-feira. Os distritos de Faro e Beja vão estar sob aviso amarelo, emitido pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera, devido a ondas de noroeste com 4 a 4,5 metros.

Este aviso entra em vigor amanhã, dia 17, a partir das 21h00 e mantém-se ativo até ao meio dia de quarta-feira, dia 18.

De acordo com o IPMA, a depressão Irene, «não terá influência no estado do tempo no continente e arquipélago da Madeira, que se encontram sob a ação de um anticiclone localizado no norte da Europa e que se estende em crista até à região da Madeira, afetando de forma mais direta o arquipélago dos Açores».

No entanto, de acordo com o instituto, «é esperado um aumento da agitação marítima, a partir de amanhã dia 17, com ondas de
noroeste com 4 a 5 metros em toda a costa ocidental do continente».

Para os próximos dias, no Algarve, de acordo site Meteofontes «não teremos chuva e as temperaturas irão começar a subir um pouco».

Esta terça e quarta-feira «teremos dias de céu pouco nublado e subida das temperaturas máximas, que rondarão os 24º no Algarve e os 26º no Vale do Tejo».

Já para quinta-feira, «teremos um aumento da nebulosidade durante a tarde no interior Norte e Centro e continuaremos com céu pouco nublado a Sul. As máximas continuarão acima dos 20ºC».

Comentários

pub
pub