Livro sobre a freguesia de S. Clemente apresentado na Biblioteca Municipal de Loulé

O livro “S. Clemente tem História”, da autoria de Fernando Graça e Ricardo Inácio, vai ser apresentado na próxima quinta-feira, […]

Mercado Municipal de Loulé | Foto de Arquivo

O livro “S. Clemente tem História”, da autoria de Fernando Graça e Ricardo Inácio, vai ser apresentado na próxima quinta-feira, 8 de Março, às 18h00, na Biblioteca Municipal Sophia de Mello Breyner Andresen, em Loulé. A apresentação desta obra integra a iniciativa “Livros Abertos”.

«S. Clemente é a segunda freguesia do concelho de Loulé com mais população. A sua área geográfica compreende à volta de dois terços da cidade de Loulé. Falar da freguesia de S. Clemente é falarmos, inevitavelmente, da área urbana de Loulé, da sua zona histórico-cultural», explica a Câmara de Loulé.

O monumento erigido ao Eng.º Duarte Pacheco, o Castelo, a Igreja Matriz de S. Clemente, a Igreja da Misericórdia, anexada ao antigo Hospital de Nossa Senhora dos Pobres, a Capela de Nossa Senhora da Conceição, o Convento da Graça, as Bicas Velhas, o Mercado Municipal e os Paços do Concelho são principais monumentos e edifícios emblemáticos desta freguesia «que constituem necessariamente cartaz de
qualquer roteiro turístico de Loulé».

É, também, nesta freguesia que decorrem muitos dos eventos louletanos, como o Carnaval de Loulé, Festival MED e Noite Branca. Segundo a autarquia louletana, «além de ser a freguesia mais antiga do concelho de Loulé e de transpirar mais de 600 anos de história, S. Clemente é, hoje, uma freguesia moderna, dinâmica e possuidora de gente empreendedora e virada para o futuro».

Nesta obra, Fernando Graça «conseguiu apresentar de forma simples e acessível, acontecimentos históricos que transformam uma obra científica num manual prático», considera a Câmara Municipal.

Já as ilustrações de Ricardo Inácio «permitem ao leitor dar asas à sua imaginação», conclui a autarquia.

A apresentação tem entrada livre.

Comentários

pub
pub