CRESC Algarve 2020 dá 3,6 milhões de euros para os Centros Qualifica do Algarve

3,6 milhões de euros é o financiamento público, do CRESC Algarve 2020, para os Centros Qualifica do Algarve.  No passado […]

Crédito: Depositphotos

3,6 milhões de euros é o financiamento público, do CRESC Algarve 2020, para os Centros Qualifica do Algarve. 

No passado dia 29 de Dezembro foi publicado o convite para apresentação de candidaturas, destinado ao financiamento dos Centros Qualifica, autorizados a funcionar pela Agência Nacional para a Qualificação e Ensino Profissional, (ANQEP), na região do Algarve.

«Os apoios a conceder devem contribuir, por um lado, e em primeiro lugar, para aumentar a qualificação de adultos, assente na complementaridade entre reconhecimento, validação e certificação de competências (RVCC) e a obrigatoriedade de frequência de formação, em função dos perfis e das necessidades individuais dos formandos e que atenda à diversidade de percursos e às necessidades do mercado de trabalho», explica a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) do Algarve.

Pretende-se, por outro lado, «apoiar os jovens que não trabalham, não estudam nem se encontram em formação e que podem ter os seus percursos de vida redirecionados para ofertas de educação e formação qualificantes, através de informação e orientação adequada aos seus perfis, necessidades e motivações».

A meta é atingir os 11200 participantes (ente jovens e adultos inscritos nos Centros Qualifica).

A comparticipação pública da despesa elegível é repartida pelo Fundo Social Europeu (FSE) em 80%, ou seja, 2,9 milhões de euros, e pela contribuição pública nacional em 20%, ou seja 725 mil euros, podendo a dotação orçamental global afeta ao presente concurso ser reforçada por decisão da Autoridade de Gestão do CRESC Algarve 2020.

Comentários

pub
pub