Algarve marca presença em evento exclusivo de turismo de luxo

A Associação Turismo do Algarve (ATA) está a promover a região, durante esta semana, no evento “Priavte Luxury Foruns America”, […]

Foto de arquivo

A Associação Turismo do Algarve (ATA) está a promover a região, durante esta semana, no evento “Priavte Luxury Foruns America”, a acontecer em Montego Bay (Jamaica), que reúne os principais agentes da indústria do turismo de luxo. 

Esta participação num dos «principais eventos que reúne os grandes agentes dedicados a este segmento tem como objetivo posicionar o Algarve como uma alternativa apelativa para os turistas de luxo, despertando o interesse e a curiosidade em relação ao destino e à sua oferta», diz a ATA.

O evento «dirige-se sobretudo aos mercados norte-americano e canadiano, mas também ao Brasil e restante América Latina. Através desta participação, a ATA pretende despertar junto destes mercados o interesse e a curiosidade pelo Algarve, posicionando-o como um destino apelativo que apresenta, entre outros aspetos da sua diversificada oferta, um conjunto de infraestruturas e mais-valias de luxo», acrescenta.

«Esta é mais uma ação estratégica que integra o plano de atividades definido pela ATA e que é tida como prioritária, dado o retorno, não só em termos de projeção internacional mas sobretudo de potenciais oportunidades de negócio para o turismo do Algarve, que acreditamos que daqui possa resultar», explica Dora Coelho, diretora executiva da ATA.

«Este evento caracteriza-se pela escolha criteriosa dos seus participantes e pelo intenso programa de atividades e de reuniões que nos irá permitir reunir, conviver e consolidar relações com alguns dos principais especialistas na área do turismo de luxo, desde operadores e agências de viagens exclusivamente dedicadas a este segmento, a outros profissionais como private travel designers ou lifestyle and travel consultants. Neste contexto, consideramos a participação do Algarve neste fórum como extremamente relevante e oportuna», defende.

Segundo a ATA, o «mercado norte-americano, em particular, registou em 2016 um crescimento de 23,4% no que diz respeito ao número de dormidas no Algarve face ao ano anterior, representando em termos absolutos um valor próximo das 125 mil dormidas».

«Esta tendência de crescimento parece manter-se, já que os valores relativos ao primeiro semestre deste ano indicam um crescimento de 23,6% em comparação com o período homólogo de 2016. Neste momento, os EUA posicionam-se como o 10º mercado externo que mais procura o Algarve como destino turístico», conclui.

Comentários

pub
pub