“Algarvios” Mateos e Nocentini juntam-se no pódio da geral na Volta a Portugal

Vicente de Mateos (Louletano/Hospital de Loulé) e Rinaldo Nocentini (Sporting/Tavira) garantiram a 3ª e 4ª posição na etapa da Volta […]

Vicente de Mateos (Louletano/Hospital de Loulé) e Rinaldo Nocentini (Sporting/Tavira) garantiram a 3ª e 4ª posição na etapa da Volta a Portugal, que se disputou este sábado, dia 12 de Agosto. O vencedor da tirada foi António Barbio, que dominou na subida ao monte da Nossa Senhora da Graça (Santo Tirso) e deixou os adversários a longa distância, mas as equipas algarvias tiveram muitas razões para sorrir, já que contam, cada ual, com um atleta no pódio da geral.

No caso de Vicente de Mateos, a sua prestação permitiu-lhe subir ao terceiro posto da geral e aproximar-se do camisola amarela Raúl Alarcón (30 segundos). E se Rinaldo Nocentini viu o chefe de fila do Louletano a aproximar-se e substituir o algarvio Amaro Antunes (este de gema), na terceira posição, também é verdade que manteve a distância para o líder da Volta – 24 segundos – quando faltam três etapas para o fim da prova.

Este sábado, os ciclistas tiveram de percorrer os 161,9 quilómetros entre Lousada  e o Monte da Nossa Senhora da Graça. A cerca de 15 quilómetros da meta, António Barbio destacou-se na frente e isolou-se, tendo cortado a meta com uma vantagem de 1 minuto e 7 segundos do grupo que o perseguia de mais perto, onde seguiam Mateos e Nocentini, mas também Gustavo Veloso (W52/FC Porto), que ficou em 2º, e Alarcón, o quinto classificado na etapa.

Gustavo Veloso e Vicente de Mateos ganharam seis e quatro segundos, respetivamente, nas bonificações, o que lhes permitiu dar um salto na geral.

Nesta etapa da volta a Portugal, destaque, ainda, para o 10º lugar de Alejandro Marque, bem como para o 6º e 7º dos algarvios João Benta e Amaro Antunes, respetivamente.

Comentários

pub
pub