PCP recomenda ao Governo que construa Ponte Internacional entre Alcoutim e Sanlúcar

O PCP recomenda ao Governo que «retome o processo de construção da Ponte Internacional do Guadiana entre Alcoutim e Sanlúcar», […]

O PCP recomenda ao Governo que «retome o processo de construção da Ponte Internacional do Guadiana entre Alcoutim e Sanlúcar», tendo apresentado na sexta-feira, 23 de Junho, um projeto de resolução que vai nesse sentido.

Segundo o PCP, o Governo deve desenvolver «as necessárias diligências – incluindo contactos com as autoridades espanholas e andaluzas – com vista à rápida concretização desta infraestrutura, vital para o desenvolvimento económico e social do Nordeste Algarvio».

«A construção de uma ponte entre Alcoutim e a localidade espanhola de Sanlúcar é uma reivindicação antiga das populações de ambas as margens do rio Guadiana, sendo reconhecido que a construção desta infraestrutura teria um impacto importantíssimo na dinamização da economia local e na atração e fixação de novos habitantes», acrescenta.

Desse modo iria combater-se, também, «o processo de despovoamento e desertificação que afeta Alcoutim e os concelhos limítrofes».

Esta reivindicação não é nova. Aliás já foram vários os partidos políticos a manifestarem-se a favor da construção desta ponte ao longo das últimas décadas.

Em Fevereiro de 2012, por exemplo, o Grupo Parlamentar do PCP levantou esta questão junto do anterior Governo PSD/CDS, o qual, na sua resposta, informou que “a Ponte Internacional de Alcoutim-Sanlúcar é uma ligação de interesse local, pelo que não se encontra prevista no PRN2000 [Plano Rodoviário Nacional 2000]”, sendo que “a sua construção e financiamento competirá às autoridades locais e regionais dos respetivos países [Portugal e Espanha]”.

Desta forma, «o anterior Governo manifestou o seu total desinteresse pelo projeto de construção da ponte entre Alcoutim e Sanlúcar e remeteu o seu financiamento para entidades locais e regionais, sabendo perfeitamente que estas não dispunham de capacidade financeira para a concretização deste projeto», considera o PCP.

Já em Julho de 2013, os comunistas apresentaram o projeto de resolução n.º 798/XII, que recomendava ao Governo a construção da Ponte Internacional do Guadiana entre Alcoutim e Sanlúcar,  que foi rejeitado pela maioria PSD/CDS de então, mas mereceu os votos favoráveis de PS, PCP, BE e PEV.

A nova composição da Assembleia da República, resultante das eleições legislativas de Outubro de 2015, «abriu a possibilidade de retomar o processo de construção desta ponte, já que os partidos que anteriormente votaram favoravelmente o Projeto de Resolução do PCP dispõem agora de uma maioria de deputados», segundo os comunistas.

Por isso, o PCP diz que o Governo «deve assumir a responsabilidade pela condução do processo de construção da ponte internacional entre Alcoutim e Sanlúcar, desenvolvendo junto das autoridades espanholas e da Comunidade Autonómica da Andaluzia as necessárias diligências para assegurar o financiamento, a realização dos estudos prévios, o lançamento e a concretização da obra».

Comentários

pub
pub