VRSA: Farolim do molhe Oeste da barra do Guadiana cai devido ao mau tempo

A cabeça do molhe Oeste da barra do Guadiana, em Vila Real de Santo António, colapsou devido ao mau tempo […]

A cabeça do molhe Oeste da barra do Guadiana, em Vila Real de Santo António, colapsou devido ao mau tempo na quinta-feira, 16 de Fevereiro, e levou consigo o farolim que lá estava instalado. Entertanto, foi já colocada uma lanterna provisória para sinalizar o molhe.

O acidente levou a Capitania do Porto de VRSA a estabelecer um aviso aos navegantes «com um resguardo de 100 metros ao molhe». As entidades responsáveis pelo molhe, Autoridade Portuária e Direcção Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos, foram alertadas pela Autoridade Marítima Nacional (AMN).

Segundo a AMN, a Autoridade Portuária entidade responsável pelo molhe e pelo farolim, iniciou diligências para repor a situação em termos definitivos».

«Na esfera de competências do Capitão do Porto, este solicitou apoio à Marinha, para o Instituto Hidrográfico sondar o canal de navegação. À Direção de Faróis, foi solicitada a colocação de uma lanterna provisória para sinalização do molhe», acrescentou a Autoridade Marítima.​

Comentários

pub
pub