Além de Lagos e Lagoa, em Loulé o compromisso também é para com a bicicleta

Aumentar em 10% a quota do uso da bicicleta é o objetivo do «Compromisso pela Bicicleta», ao qual, depois das […]

Loulé Distribuiu Bicicletas nas escolas_1

Aumentar em 10% a quota do uso da bicicleta é o objetivo do «Compromisso pela Bicicleta», ao qual, depois das Câmaras de Lagoa e Lagos, o Município de Loulé, bem como escolas, empresas e clubes do concelho, também aderiu na quarta-feira, dia 21, durante o seminário «Mobilidade Urbana», que decorreu no auditório da Escola Secundária de Loulé.

A oficialização do compromisso de promover o uso da bicicleta no concelho foi o culminar de uma quarta-feira rica em iniciativas na Escola Secundária de Loulé,  cujo pequeno auditório recebeu vários debates e intervenções todas subordinadas ao tema da Mobilidade.

Espalhadas pelo auditório, mesas com alunos e várias entidades municipais, como a Proteção Civil, as escolas do concelho e o próprio executivo acompanharam a tarde de trabalhos.

No final, já ficou uma ideia do que se quer para Loulé, no futuro. E passa pelo exemplo dado pelo espanhol Xosé Manuel Tato, que veio expor o caso de estudo que é Pontevedra. Desde 1999 que aquela cidade, situada na Galiza, tem vindo a dinamizar um programa de aposta na mobilidade alternativa, como o andar a pé ou de bicicleta.

Para tal criou, por exemplo, o «Metrominuto» – um mapa, semelhante a uma rede de metro, onde se dão as distâncias e os minutos que se demora a pé entre vários sítios da cidade. Tendo em conta as imagens exemplificativas das medidas que foram tomadas, mostradas por Xosé Manuel Tato, Pontevedra é uma «festa com pessoas», nas palavras do presidente da Câmara de Loulé Vítor Aleixo.

«Foi uma tarde magnífica e muito enriquecedora para quem quer um futuro urbano mais sustentável. Para que todas estas medidas sejam tomadas, é preciso que haja vontade política. Quero que todos aqui saibam que o município de Loulé tem essa vontade política», disse o presidente da Câmara de Loulé Vítor Aleixo, no encerramento do seminário «Mobilidade Urbana».

«Estou de tal maneira confiante de que o caminho é este que encaro este desafio de frente, mesmo sabendo que estamos num ano difícil, já que para o ano há eleições autárquicas», acrescentou. Vítor Aleixo reconheceu, contudo, que os primeiros sinais de preocupação para com estas questões foram «dados pelo anterior executivo».

Para o edil, a grande lacuna até agora tem sido «a falta de ações de formação». «Há que fazer um esforço no toca à educação para usar as bicicletas», disse.

foto-compromisso-bicicleta-Vitor Aleixo

A professora que vai de bicicleta todos os dias para a escola

Fernanda Martins acompanhou toda a tarde de trabalhos no auditório da Escola Secundária de Loulé. Professora de Geografia, as questões da mobilidade sustentável não lhe são de todo novas.

«Há anos que falo disto nas minhas aulas. Concordo plenamente com a aposta nas bicicletas. Eu própria vou, todos os dias, de bicicleta para a escola», confessou ao Sul Informação.

Ainda assim, a professora Fernanda Martins notou que os alunos se mostram reticentes em relação ao uso das bicicletas, apesar dos ensinamentos que transmite nas aulas, onde passa a mensagem de que «este é o futuro». «No parque de bicicletas da minha escola, há todos os dias duas bicicletas: a minha e a de um aluno. Mais nada. Ainda há um grande preconceito acerca do uso da bicicleta. Há quem pense que é o meio de transporte dos pobres», diz, zangada.

Para a docente, o interesse dos alunos pela bicicleta resolve-se «alargando os passeios nas ruas em Loulé, melhorando as estradas e a transição entre a estrada e os passeios», de forma a que seja mais fácil circular de bicicleta. «Eu própria tenho dificuldades», sublinhou.

Orgulhosa da «tarde espetacular» a que pôde assistir, Fernanda Martins revela que é nesta cidade, «mais amiga do ambiente e sustentável», que quer viver. «As cidades tem de deixar de estar divididas em setores. Deve haver espaços comuns, onde se possa andar de bicicleta, andar, brincar e conviver», concluiu.

 

Fotos: Pedro Lemos|Sul Informação

Comentários

pub
pub