Morreram centenas de peixes na Foz do Almargem

Centenas de peixes morreram na Foz do Almargem, em Quarteira, alertou, ontem, a associação ambientalista Almargem. Esta é uma situação […]

7-8-2016 - almargem_quarteira2Centenas de peixes morreram na Foz do Almargem, em Quarteira, alertou, ontem, a associação ambientalista Almargem. Esta é uma situação que se arrasta há vários anos.

«Os anos vão passando e na verdade a Foz do Almargem não foi ainda irremediavelmente destruída, mas também nada é feito para evitar a degradação dos seus habitats, com especial relevo para a situação da lagoa, há muito tempo já sem um abastecimento regular de água doce e com uma comunicação ao mar dependente da intervenção humana», disse a Associação Almargem em comunicado.

Este local esteve incluído, em 2009, num projeto de reabilitação de pequenas zonas húmidas litorais, apresentado pela então Administração da Região Hidrográfica do Algarve, mas o plano acabou por não se realizar. Desse projeto resultou apenas a intervenção na Lagoa dos Salgados, em Albufeira e Silves.

A Associação Almargem apela assim «ao Município de Loulé para que, com a colaboração de todas as entidades interessadas, possa conceber, apresentar e implementar um plano de recuperação e dinamização ambiental da Foz do Almargem, transformando-a num verdadeiro pólo de atracção natural e diferenciadora na região de Quarteira».

Comentários

pub
pub