Quatro hotéis algarvios premiados por boas práticas ambientais

  Quatro unidades hoteleiras do Algarve foram distinguidas com o galardão “Green Key”, que reconhece as práticas sustentáveis e amigas do ambiente. […]

 

Green_KeyQuatro unidades hoteleiras do Algarve foram distinguidas com o galardão “Green Key”, que reconhece as práticas sustentáveis e amigas do ambiente. O Conrad Algarve, o Hilton Vilamoura, o Vila Galé Albacora e o Pine Cliffs Hotel foram os hotéis distinguidos com o prémio.

«É com orgulho que vemos ser galardoadas quatro unidades hoteleiras da região pelas suas boas práticas ambientais e sociais. O Algarve é cada vez mais um destino de turismo de natureza, pelo que é fundamental que entidades públicas e privadas promovam comportamentos sustentáveis que protegem os nossos recursos naturais, que são um dos atrativas mais importantes da região», considera Desidério Silva, presidente da Região de Turismo do Algarve.

Promovido pela Foundation for Environmental Education e coordenada em Portugal pela Associação Bandeira Azul da Europa, o programa «Green Key» é um galardão internacional que promove o Turismo Sustentável, através do reconhecimento de estabelecimentos turísticos e de restauração que implementam boas práticas ambientais.

Entre os fatores valorizados para a entrega do prémio encontram-se a promoção de uma eficiente gestão de recursos naturais, a reciclagem dos resíduos, o uso de produtos de limpeza amigos do ambiente, a preferência por produtos alimentares provenientes de agricultura de proximidade e biológica e a promoção de atividades ao ar livre. Por exemplo, os hotéis com galardão «Green Key» promovem junto dos seus turistas o uso da bicicleta para explorar o meio envolvente.

A RTA refere que «o Algarve tem vindo a assumir-se como um destino de turismo de natureza, com potencialidades únicas para a prática de cicloturismo, caminhadas, observação de aves e turismo equestre, entre outras atividades ao ar livre. A região tem três áreas protegidas e 14 sítios integrados na Rede Natura 2000, o que consagra a sua importância biológica e paisagística em termos europeus».

Comentários

pub
pub