Inundações em estradas e eventos cancelados no Algarve por causa da chuva forte

Inundações em estradas e ruas, casas e garagens, quedas de árvores e de barreiras e ainda eventos ao ar livre […]

estrada inundada Ferragudo_1
Estrada inundada perto de Ferragudo – foto Meteofontes

Inundações em estradas e ruas, casas e garagens, quedas de árvores e de barreiras e ainda eventos ao ar livre cancelados um pouco por todo o Algarve são, para já, as consequências do mau tempo na região, que se encontra sob Aviso Vermelho da meteorologia até às 15h00 deste domingo.

Ao todo, há pelo menos uma dúzia de ocorrências no Algarve, devido à chuva forte, com estradas condicionadas, ruas inundadas e desabamentos de terras e quedas de árvores, e ainda garagens inundadas, sobretudo nos concelhos de Albufeira (Albufeira, Guia, Quinta da Balaia) e Loulé (Fonte de Boliqueime, Benfarras e Quarteira), bem como em Lagos.

Em Albufeira, segundo a RTP, a rua dos bares está inacessível, devido à altura da água acumulada.

estação de Boliqueime
Passagem inferior inundada junto à estação de Boliqueime – foto de Cátia Silva

Na zona de Boliqueime, por exemplo, está alagada a passagem inferior no acesso à estação de caminhos de ferro, enquanto na zona de Quarteira, está alagada e de trânsito perigoso a estrada entre Almancil e essa cidade. Junto ao campo de futebol de Quarteira, está também tudo inundado, havendo mesmo carros imobilizados pela água.

Mas há também estradas inundadas na zona de Ferragudo (estrada entre esta vila e Lagoa, passando pelos campos de golfe), bem como no vale da Asseca, concelho de Tavira, e em outras zonas baixas da região.

Em Ferragudo, as cerimónias ao ar livre para assinalar o aniversário da vila foram canceladas, «devido às condições meteorológicas adversas», segundo Luís Alberto, presidente da Junta de Freguesia.

O autarca acrescentou que, para já, a baixa da vila se mantém sem problemas, embora, «por precaução», as autoridades, em conjugação com a Proteção Civil e os bombeiros, tenham cortado o trânsito na Rua do Regato, que habitualmente costuma inundar.

A Junta de Freguesia aconselha ainda a que as pessoas não estacionem os seus carros junto ao canal e na rua 25 de Abril.

Segundo Luís Alberto, a altura mais crítica será a partir das 12h12, quando a maré começar a encher, uma vez que o aviso de chuva se mantém até às 15h00.

Também em Faro, foi cancelado um passeio de bicicleta que teria como ponto de partida o Parque Ribeirinho da cidade, devido ao mau tempo.

 

Em atualização

Comentários

pub
pub