Loulé inaugura Skate Parque para dinamizar desportos radicais no concelho

Loulé tem um novo skate parque e uma nova associação desde o passado sábado. O novo Skate Parque de Loulé […]

Inauguração do Skate Parque de Loulé - C.M.Loule - Mira (4)Loulé tem um novo skate parque e uma nova associação desde o passado sábado. O novo Skate Parque de Loulé situa-se no parque municipal e vem responder a anseios antigos dos praticantes de desportos radicais do concelho.

Foram, de resto, muitos os jovens que praticam este tipo de desporto que marcaram presença na inauguração do equipamento municipal, no dia 25 de Abril. Um dia escolhido propositadamente já que, considerou o presidente da Câmara de Loulé Vítor Aleixo, «este espaço simboliza bem o espírito de Abril» e era «um sonho antigo de jovens que nunca desistiram de sonhar».

«Localizado num terreno a norte contíguo ao Parque, entre este e a Circular, onde em tempos se localizou o Bairro de Santa Luzia, o equipamento está instalado num terreno de 18 mi metros quadrados e inclui um skate parque semicircular com três plataformas de saída radiais que se encaixam nos taludes existentes e uma bowl. Foi concebido por Francisco Lopez, arquiteto que é também skater», revelou a Câmara de Loulé. O investimento feito pela autarquia rondou os 130 mil euros.

Apesar de ter o nome de Skate Parque, o novo equipamento lançado pela Câmara de Loulé também se destina a praticantes de patins e BMX, que até agora usavam, regra geral, a Cerca do Convento para praticar.

Inauguração do Skate Parque de Loulé - C.M.Loule - Mira (1)«Este é o primeiro de outros equipamentos que irão surgir nesta zona do Parque, nomeadamente um parque de street workout, que foi de resto a proposta vencedora da freguesia de S. Clemente na primeira edição do Orçamento Participativo do Município de Loulé, e um espaço aberto para a prática de desporto informal», acrescentou a autarquia.

Também no sábado, foi formalmente lançada a nova secção de desportos radicais da Casa da Cultura de Loulé, o Impacto Clube de Desportos Radicais. Este projeto nasceu de uma ideia inicial de Paulo Cabral e passou pela criação de uma escola de skate, que terá como principal objetivo «fomentar e dinamizar a prática deste tipo de desporto radical».

«O skate ultrapassa a questão desportiva, não se restringindo somente a esse facto. Devido às suas características multidisciplinares torna-se por direito próprio numa manifestação Cultural, envolvendo outras áreas artísticas, como a música e as artes visuais. É desta forma que pretendemos desenvolver em conjunto com a comunidade desportiva e cultural a prática do skate dando a conhecer a sua história, promovendo boas práticas saudáveis e incutindo o espírito de equipa e entreajuda como os nossos atletas. No fundo queremos dar ao Skate o verdadeiro reconhecimento que lhe é merecido», ilustra a Casa da Cultura de Loulé.

Comentários

pub
pub