Grupo «Veredas da Memória» mostra «100 anos de Cantigas» no Cineteatro São Brás

«100 anos de cantigas» vão passar no palco do Cineteatro São Brás, no sábado, à partir das 21 horas, naquele […]

100 anos de cantigas Veredas da Memoria«100 anos de cantigas» vão passar no palco do Cineteatro São Brás, no sábado, à partir das 21 horas, naquele que será o contributo do grupo musical «Veredas da Memória» para as celebrações do centenário da elevação de São Brás de Alportel a concelho.

O concerto «convida a uma viagem no tempo através da palavra perpetuada em canções que marcaram a história», segundo a Câmara de São Brás de Alportel.

Além dos elementos do grupo «Veredas da memória», participam no espetáculo, como convidados especiais, o grupo «Alegria do Museu», a bailarina Inês Medina, o fadista Vitor Alves, o guitarrista Cecílio Martins e Bráulio Jesus, na viola.

Os bilhetes custam 2 euros e podem ser adquiridos na Galeria do Cineteatro São Brás ou, no próprio dia do espetáculo, na Bilheteira do Cineteatro.

 

Sobre o «Veredas da Memória»:

«Fundado em 2001, o Grupo “Veredas da Memória” é composto por 12 elementos enamorados pela música tradicional portuguesa. O seu repertório é constituído por cantares tradicionais, oriundos das diferentes regiões do país, com maior incidência para a tradição etnomusicológica algarvia. Para além de levar a cabo recolhas de cantigas na região algarvia, nomeadamente na zona serrana, executa, em paralelo algumas adaptações de melodias com autoria.

Os objetivos do grupo passam pela preservação, divulgação e enriquecimento – este através das adaptações e arranjos que o grupo leva a cabo nos cantares apresentados – da música tradicional portuguesa.

Como agrupamento sediado em São Brás de Alportel, o grupo promove ainda a recolha de canções do concelho com o objetivo de apresentar um quadro de tradições que marque a individualidade e identidade culturais são-brasenses em termos etnomusicológicos».

Comentários

pub
pub