Quarteirense Dino d’ Santiago vence dois Cabo Verde Music Awards

O músico quarteirense Dino d’Santiago venceu dois prémios na 4ª edição dos Cabo Verde Music Awards, atribuídos este domingo numa […]

O músico quarteirense Dino d’Santiago venceu dois prémios na 4ª edição dos Cabo Verde Music Awards, atribuídos este domingo numa cerimónia que decorreu na Feira Internacional de Cabo Verde, na Cidade da Praia. O cantor, com raízes cabo-verdianas, foi agraciado com os prémios «Melhor Álbum Acústico», pelo seu disco de 2013 «Eva» e a sua canção «Ka bu Tchora» venceu a categoria «Melhor Batuku/Kola Sanjon».

«Estas distinções surgem no novo rumo que a carreira de Dino d´Santiago tomou, na busca pelo conhecimento das suas origens, com a visita à Ilha de Santiago em Cabo Verde. O impacto foi tão forte que viria a delinear o seu caminho. Passava agora, por juntar os sons quentes africanos, ao Fado, numa fusão singular. No regresso, trazia experiências, sensações, influências e uma maturidade que lhe permitiu mergulhar dentro de si, para melhor se poder revelar», descreve a Câmara de Loulé, que endereçou ao artista «os parabéns pelos prémios conquistados e que em muito prestigiam também o Concelho que viu nascer Dino d´Santiago».

Deste contacto com as suas raízes culturais nasceu o álbum «Eva». «Este disco sou eu, é o resultado do que vejo, do que sinto. Procuro a simplicidade e o amor. É nisso que acredito», ilustra Dino D’Santiago.

O disco conta com a participação do cantor cabo-verdiano Jay, no tema “Nôs Tradison” e do cantor e compositor angolano Paulo Flores, em “Pensa na Oji”. A produção do CD conta com Sara Tavares, Jorge Fernando, Rolando Semedo, Hernâni Almeida e Diogo Clemente. O crioulo de Cabo Verde e o português são as línguas dominantes, numa mistura de sons únicos da lusofonia.

Comentários

pub
pub