Santa Luzia promove “Passeio e Comeres da Dieta Mediterrânica” dedicado ao polvo

Uma ação dedicada ao polvo, sob a orientação do pescador Hélder Santos, está marcada para dia 11 de maio, pelas […]

Uma ação dedicada ao polvo, sob a orientação do pescador Hélder Santos, está marcada para dia 11 de maio, pelas 14h30, em Santa Luzia, no âmbito do ciclo de passeios e oficinas sobre os saberes-fazeres da cozinha mediterrânica “Passeios e Comeres da Dieta Mediterrânica”.

Santa Luzia, uma localidade com uma importante e antiga comunidade piscatória, assume particular relevância na captura do polvo. No decorrer deste passeio serão partilhadas histórias dos pescadores e saberes acerca da captura desta espécie, feita com alcatruzes e covos.

Aconselha-se o uso de roupa e calçado confortáveis e cada participante deverá levar merenda, água e proteção para a chuva. A organização reserva-se o direito de cancelar o passeio, caso se verifiquem condições climatéricas adversas.

A ação surge no seguimento da exposição “Dieta Mediterrânica- Património Cultural Milenar” e destina-se ao público em geral.

O que é a Dieta Mediterrânica? A exposição responde a esta questão dando a conhecer as suas múltiplas dimensões: o conceito de espaço cultural e de estilo de vida mediterrânico milenar, um património cultural imaterial transmitido de geração em geração e os seus aspetos sociais e religiosos, os alimentos sagrados e as suas simbologias, os produtos do mar e da terra que dão suporte a um regime alimentar de excelência reconhecido pela OMS – Organização Mundial de Saúde.

O enfoque central é o território e os múltiplos patrimónios de Tavira, os testemunhos da presença de civilizações da antiguidade, as paisagens culturais e os produtos da Ria Formosa, as produções do barrocal e da serra, as festividades e práticas culturais que fundamentam a escolha de Tavira como comunidade representativa de Portugal na Candidatura da Dieta Mediterrânica a Património Cultural Imaterial da Humanidade apresentada, em março de 2012, na sede da UNESCO.

As inscrições são gratuitas e obrigatórias, devendo os interessados preencher a ficha de inscrição (disponível aqui) e remeter ao Serviço Educativo do Museu Municipal de Tavira, através do e-mail edu.museus@cm-tavira.pt, do fax 281 322 888 ou entregar na receção do Museu Municipal de Tavira – Palácio da Galeria (aberto de terça-feira a sábado, das 10h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30).

Mais informações através do número 281 320 500 (ext. 2304/2307).

Comentários

pub