LPN Algarve promove passeio a pé pela serra queimada em Tavira

O incêndio que, em julho, devastou uma vasta área da Serra do Caldeirão, no interior do concelho de Tavira, é […]

O incêndio que, em julho, devastou uma vasta área da Serra do Caldeirão, no interior do concelho de Tavira, é o motivo de mais um passeio de natureza promovido pelo Núcleo do Algarve da Liga para a Proteção da Natureza no sábado, dia 3 de novembro.

De 18 a 22 de julho, 26442 hectares de floresta, matos, campos agrícolas, bem como casas, anexos e alfaias agrícolas foram devorados pelo fogo, nos concelhos de Tavira e de São Brás de Alportel, em plena Serra do Caldeirão.

A LPN Algarve tinha planeado, no início do ano, fazer um passeio a pé na zona da Alcaria do Cume (Cachopo), para mostrar a riqueza de flora e fauna desta zona e a sua beleza paisagística. Mas o fogo devorou tudo isso.

Assim sendo, salienta a LPN Algarve, «porque somos uma associação de defesa do Ambiente, mantemos o passeio na zona, mas desta vez com uma vertente pedagógica e de chamada de atenção para os efeitos nefastos do desordenamento do nosso território, que abre caminho a estes incêndios devastadores».

Assim, no dia 3 de novembro, sábado, «depois de atravessarmos, de carro, as zonas devastadas pelo fogo, vamos fazer uma caminhada de cerca de 2h30 entre Água de Tábuas e Porto Carvalhoso».

O ponto de encontro para esta atividade será na Alcaria do Cume (na estrada entre Tavira e Cachopo) às 9h30 (ter em atenção que o caminho desde Tavira a Alcaria do Cume, dado o mau estado da estrada e as suas inúmeras curvas, leva cerca de 45 minutos a uma hora). Depois o grupo seguirá de carro pela estrada que liga Alcaria do Cume a Malhada do Judeu e a Bemparece.

As inscrições são obrigatórias e devem ser feitas até às 12h00 de 1 de novembro (quinta-feira) para o email lpn_algarve@yahoo.com (indicando nome, data de nascimento, nº de BI ou Passaporte, para efeitos de seguro obrigatório). O passeio custa 1 euro para sócios e 5 euros para não sócios da LPN.

Comentários

pub
pub