Academia do Sporting é caso em análise no Seminário de Gestão do Desporto de Loulé

“A redefinição do Associativismo Desportivo em tempos de crise” é o tema do Seminário de Gestão do Desporto de Loulé, […]

“A redefinição do Associativismo Desportivo em tempos de crise” é o tema do Seminário de Gestão do Desporto de Loulé, atividade promovida pela Câmara Municipal, a realizar no dia 9 de novembro, no Cine-Teatro Louletano.

Esta é uma iniciativa homologada pelo Instituto da Juventude e do Desporto, de acordo com n.º 2 do artigo 7.º do Decreto -Lei n.º 271/2009, de 1 de outubro, com o objetivo central de criar em Loulé um espaço anual de encontro, debate, formação e informação técnica no âmbito da gestão do desporto, dirigido a todos os dirigentes e técnicos de desporto da administração pública, clubes e associações desportivas, professores e estudantes de gestão de desporto, desporto e educação física e outros agentes desportivos.

Os oradores convidados para o Seminário de Gestão do Desporto irão apresentar e discutir um conjunto de temas atuais e futuros problemas encontrados no seio do associativismo desportivo, com foco em estratégias, experiências e sentimentos. Este seminário é uma excelente oportunidade para os participantes conhecerem outros profissionais da área, partilhar opiniões e criar uma oportunidade de colaboração em rede, partilha de informação técnica e na construção de relações de confiança.

Este promete ser um evento esclarecedor para o associativismo desportivo, com os objetivos de contribuir para a tomada da consciência da relevância do mesmo, incrementar o intercâmbio de conhecimentos e de experiências de boas práticas relacionadas com o Associativismo Desportivo e fortalecer as práticas associadas à Gestão do Desporto.

Da sociedade industrial até à sociedade contemporânea ocorreram transformações notáveis que converteram o Desporto numa prática social cada vez mais generalizada pelo mundo, tornando-o num dos fenómenos sociais mais importantes dos nossos tempos.

O associativismo assume, cada vez mais, um papel estratégico no âmbito do Sistema Desportivo, uma vez que estas estruturas, dada a proximidade face aos cidadãos, afirmam-se como polos de desenvolvimento local, promovendo a crescente oferta de atividades.

Para uma cidadania plena, é imperioso impulsionar a participação cívica dos portugueses nas instituições do setor não lucrativo, de maneira a fomentar e a cimentar o movimento associativo num centro de estágio para a democracia. Pode-se verificar que as associações desportivas de hoje são diferentes das do século passado. Elas atravessaram transformações sociais e adaptaram-se às suas dinâmicas, mas nunca deixaram de cumprir (melhor ou pior) a sua natural vocação, que é o fomento do desporto.

No contexto atual, marcado por uma sociedade cada vez mais concorrencial, a gestão desportiva torna-se um instrumento fundamental de e para a boa organização e desenvolvimento de uma associação/ clube.

As inscrições no seminário “A redefinição do Associativismo Desportivo em tempos de crise” podem ser feitas através do site da Autarquia (www.cm-loule.pt), e terminam dia 7 de novembro. Embora seja possível, caso ainda haja disponibilidade de lugares, fazê-las no próprio dia 9. O valor da inscrição é de 5 euros para os clubes desportivos do concelho e de 10 euros para os restantes participantes. No caso dos estudantes a inscrição é gratuita. As inscrições feitas entre o dia 26 de outubro e 7 de novembro acresce o valor de 5 euros, inclusive para os estudantes.

Mais informações em www.cm-loule.pt ou formacao.djd@cm-loule.pt.

 

Programa do seminário

 

O evento arranca pelas 9h30, com a sessão de boas-vindas, pelo vereador do Desporto de Loulé Joaquim Guerreiro.

Pelas 10h00, surge o primeiro painel, apresentado por Fernando Tenreiro, do Instituto Português do Desporto e Juventude, que irá falar sobre “O Associativismo Desportivo em Portugal”. Segue-se a intervenção do coordenador da licenciatura em Gestão das Organizações Desportivas da Escola Superior de Desporto de Rio Maior, Abel Santos, que apresenta o tema “ Encaixar a estratégia do clube e do município: compatibilidade necessária para a criação de valor para o desporto”.

Pelas 11h30 está previsto um dos momentos altos deste Seminário, com uma apresentação de um caso prático: a “Academia do Sporting como modelo de formação de expressão mundial”. Diogo Matos (presença ainda por confirmar), responsável da Academia do Sporting Clube de Portugal, será o orador.

Os trabalhos retomam da parte da tarde, com uma intervenção de Gastão Sousa, do Centro para a Inovação e Desenvolvimento do Desporto (ISMAI) sobre “Inovação Social: A importância do Associativismo Desportivo”, pelas 14h30. Diogo Carmo é o orador seguinte; o coordenador do Gabinete de Empreendedorismo e Inovação no Desporto da Escola Superior de Desporto de Rio Maior traz a lume os “Desafios para a autossustentabilidade associativa”. O último painel traz mais um caso prático, sobre o “BTT Terra de Loulé BPI, a visão de um clube local”, apresentado por Joaquim Viegas, responsável por esta escola de BTT.

Às 17h00 está previsto um debate e os trabalhos terminam com uma sessão de encerramento apresentada pelo presidente da Câmara Municipal de Loulé Seruca Emídio.

Comentários

pub