BMX: Campeão de Espanha intransponível em Quarteira

O campeão espanhol de BMX Race, Alejandro Kim (Union WCC), esteve imbatível na pista de Quarteira, averbando duas vitórias neste […]

O campeão espanhol de BMX Race, Alejandro Kim (Union WCC), esteve imbatível na pista de Quarteira, averbando duas vitórias neste fim-de-semana. Impôs-se, na categoria de elite, na primeira prova pontuável para a Taça de Portugal de BMX Liberty Seguros e foi o melhor no I Open de Portugal de Supercross.

Alejandro Kim tem vindo a fazer um competitivo calendário europeu que lhe deu uma mais-valia física que o corredor espanhol não desperdiçou. O campeão português de BMX, Dário Piedade (Asas da Cidade), foi o homem que deu mais luta, mas não conseguiu melhor do que a segunda posição, tanto na corrida da Taça como no despique de supercross.

O fim-de-semana de arranque da época 2012 do BMX luso ficou marcado pela presença de vários participantes espanhóis, que elevaram a qualidade média das corridas, mas que tiveram forte réplica dos ciclistas portugueses.

Além de Alejandro Kim, em elite, só outro castelhano conseguiu triunfar em Quarteira, nas corridas pontuáveis para a Taça. Foi o infantil Pablo Fernández (Union WCC). As restantes vitórias foram agarradas pelas equipas nacionais.

O júnior Adrian Moldovan (Núcleo Bicross de Setúbal/Bestcofra) foi o melhor na sua categoria. Em cadetes impôs-se Fábio Ferreira (Asas da Cidade), o melhor master foi Bruno Berto, Miguel Silvestre (Asas da Cidade) levantou os braços em juvenis, Guilherme Gonçalves (Núcleo Bicross de Portimão) bateu os restantes iniciados, Daniel Matos (Núcleo Bicross de Portimão) ganhou em benjamins e Ivo Pires (Asas da Cidade) venceu em cruisers. O Team BMX Asas da Cidade dominou por equipas.

O Open de Supercross, que não conta para a Taça de Portugal, assistiu à vitória de Alejandro Kim na categoria principal, e viu os triunfos de João Cabanita, em open 3, de Miguel Silvestre, em open 2, e de Daniel Matos, em Open 1.

Comentários

pub