Algarve vai ficar a conhecer melhor «A História do Luxemburgo» no final de março

A versão portuguesa do livro «A História do Luxemburgo», de Gilbert Trausch, vai ser apresentada no dia 30 de março, […]

A versão portuguesa do livro «A História do Luxemburgo», de Gilbert Trausch, vai ser apresentada no dia 30 de março, às 18h30, no Museu Arqueológico e Lapidar Infante Dom Henrique, em Faro. A obra será apresentada por Charles Barthel, diretor do Centro Europeu de Estudos e Pesquisa Robert Schuman.

Esta é uma iniciativa promovida pelo consulado do Luxemburgo do Algarve, chefiado pelo cônsul honorário Jorge Justo Pereira. Também estará presente na cerimónia Paul Schmidt, embaixador deste país do centro da Europa em Portugal.

Jorge Justo Pereira frisa a importância desta obra no aprofundar das relações bilaterais entre Portugal e Luxemburgo, lembrando que há uma forte comunidade de portuguesa naquele país.

A versão portuguesa da obra de Gilbert Trausch, “História do Luxemburgo”, agora publicada em edição portuguesa, resulta de um projeto do Ministério da Cultura luxemburguês, com a colaboração do Forum Portugal-Luxemburgo e o apoio da Embaixada do Luxemburgo em Portugal.

Apesar do seu tamanho – 2 586 km e 476 000 habitantes – o Grão Ducado de Luxemburgo é um verdadeiro Estado, com uma história particularmente rica. Situado no coração da Europa, entre a França, a Bélgica e a Alemanha, o Luxemburgo participou nos grandes desenvolvimentos Europeus.

O passado movimentado do Grão-Ducado é um verdadeiro resumo da história europeia. Na Idade Média, os seus príncipes usaram a coroa do Sacro Império Germânico e nos tempos modernos a sua fortaleza foi de uma importância fundamental na luta entre as grandes potências.

Antes de se tornar independente, no Século XIX, o Luxemburgo viveu sucessivamente sob soberania borgonhesa, espanhola, francesa, austríaca e holandesa.  No Século XX, este país próspero e dinâmico desempenhou um papel decisivo na unificação da Europa.

Comentários

pub
pub