Grupo Entreposto apresenta Lux Tavira num evento imobiliário no Luxemburgo

Representantes de empresas e associações que atuam em diferentes segmentos no setor imobiliário nacional irão ao Luxemburgo expor as oportunidades […]

Representantes de empresas e associações que atuam em diferentes segmentos no setor imobiliário nacional irão ao Luxemburgo expor as oportunidades de investimento e as tendências «low-cost» instaladas nesta área em Portugal, que detém atualmente o valor médio de construção por metro quadrado mais reduzido da Europa, num evento subordinado ao tema “Imóveis em Portugal: Quatro Exemplos Exclusivos de Investimento”, que decorrerá no dia 25 de outubro.

O secretário-geral da Embaixada Portuguesa no Luxemburgo, Rui Martinot Correia, irá dar início ao evento que contará com a apresentação de alguns dos projetos de maior destaque nesta área em Portugal, pertencentes ao Entreposto Gestão Imobiliária (EGI) e Grupo Libertas: Lux Tavira e Benfica Stadium, Residenciais da Baixa e Laranjal Design Villas, respetivamente.

O Lux Tavira é “um produto pronto a escriturar, com uma localização impar a 25 minutos do Aeroporto de Faro, com 12 quilómetros de praias quase inexploradas e seis campos de golfe”, segundo as palavras de Rui Nogueira, representante do EGI.

Trata-se de “um empreendimento com condições excelentes para usufruir e para rentabilizar no mercado de arrendamento de curta duração, com excelentes taxas de ocupação”, acrescenta Rui Nogueira.

Resta acrescentar que o Entreposto Gestão Imobiliário é uma das áreas de atuação do Grupo Entreposto, um grupo cuja atividade principal em Portugal continua a ser o automóvel, mas que cada vez mais se tem diferenciado no mercado imobiliário pela sua aposta em projetos com acabamentos únicos.

Por sua vez, Pascal Gonçalves, representante do Grupo Libertas, irá evidenciar a importância da revitalização de áreas, como o Condomínio Benfica Stadium que ocupa o local do antigo Estádio da Luz, e imóveis antigos como o prédio Residências da Baixa que dão nova vida ao centro histórico de Lisboa.

O Laranjal Design Villas é outro produto do grupo que acredita “responder às expetativas do mercado externo pelos programas no Algarve que permitem gozar de férias e soluções de arrendamento que valorizam o capital investido”.

Miguel Bettencourt da Camara, da BCA Advogados, irá encerrar a iniciativa através da demonstração de instrumentos jurídico-fiscais e a oferta de produtos bancários antecedida de uma apresentação da atividade bancária no Luxemburgo.

A decorrer num país com cerca de 100.000 portugueses, sendo mesmo a população ativa portuguesa o segundo maior grupo estrangeiro, a seguir aos franceses, e sede de muitos bancos europeus, a organização visa reunir em Luxemburgo um público-alvo distinto, composto por representantes de agências imobiliárias, de associações setoriais, portugueses que ocupem lugares de topo em instituições internacionais, particulares estrangeiros e oriundos das comunidades portuguesas com poder de investimento e/ou arrendamento em Portugal.

Entre os vários assuntos em debate, destaque para o acordo assinado entre o Grão Duque de Luxemburgo e a República Portuguesa que vista evitar a dupla tributação, reciproca entre países, bem como a rentabilidade que um investimento em imobiliário nacional (um dos mais atrativos na Europa) pode provocar a quem invista em Portugal.

“Imóveis em Portugal: Exemplos exclusivos de investimento” é organizado pela PSO Comunicação Estratégica, que contabiliza assim mais de 12 eventos do mesmo género realizados nos últimos dois anos.

Ainda este ano, em maio, a PSO realizou eventos deste género, em Paris e Bruxelas, estando já agendado para 2012, iniciativas em Paris, Escandinávia, Brasil e China.

Comentários

pub
pub