Turismo do Algarve oferece lembranças e fins de semana

O Turismo do Algarve vai dar as boas-vindas, a 27 de Setembro, Dia Mundial do Turismo, aos turistas que desembarcarem […]

O Turismo do Algarve vai dar as boas-vindas, a 27 de Setembro, Dia Mundial do Turismo, aos turistas que desembarcarem no Aeroporto Internacional de Faro e aos visitantes dos 22 postos de informação turística distribuídos pela região com a oferta de lembranças com a marca «Algarve». 

Em simultâneo decorrerá um passatempo na página oficial no Facebook, VisitAlgarve, que premiará com estadas em hotéis as melhores participações dos amigos do Algarve.  

«Tourism – Linking Cultures» é este ano o tema que preside às comemorações oficiais do «Dia Mundial de Turismo», data instituída em 1980 pela Organização Mundial do Turismo. 

Na sua mensagem a propósito deste dia mundial, António Pina, presidente da Entidade Regional de Turismo do Algarve, salienta que «o turismo permite o estreitamento das relações humanas entre povos de diferentes culturas, o intercâmbio de ideias e a troca de experiências, a aproximação dos povos na chamada aldeia global, a valorização da comunicação e de outros valores intrínsecos à condição humana, a descoberta da história de cada país como parte da história universal». 

«Este Encontro de culturas promove a aceitação da diferença através da valorização da identidade de cada turista que nos visita e que descobre no destino elementos com que também ele se identifica, os quais fomentam a compreensão de outras realidades, uma maior tolerância e respeito pelo património histórico, cultural, social e intelectual de cada país», acrescenta António Pina. 

«Segundo a OMT, mais de 940 milhões de pessoas viajaram no ano passado para o estrangeiro procurando novas experiências, novos conhecimentos com base nas mais distintas motivações. Razão pela qual o turismo deve ser encarado como fundamental não só para o crescimento económico das nações, mas também para o estreitamento das relações entre os povos por via do contacto direto», conclui o presidente da ERTA.

Comentários

pub
pub