Porto de Portimão recebe 2000 turistas em quatro cruzeiros até final de setembro

Cerca de dois mil turistas vão passar pelo Porto de Portimão entre 23 e 27 de setembro, em quatro escalas, […]

Cerca de dois mil turistas vão passar pelo Porto de Portimão entre 23 e 27 de setembro, em quatro escalas, duas delas agendadas para o mesmo dia.

A primeira escala é já no dia 23 através do “Ocean Countess”, da companhia Majestic International Cruises, que transporta 800 passageiros e 364 tripulantes, seguindo-se no dia 25 o luxuoso “Silver Cloud” (Silversea Cruises), com 296 turistas e 222 tripulantes. Ambos os navios regressarão no dia 27 a Portimão. 

Por outro lado, cerca de 1200 passageiros partirão a 25 de Setembro no ferry “Vólcan de Tinamar” rumo ao Funchal, uma ligação regular que desde 2008 se realiza em todos os domingos do ano e que a partir de outubro próximo voltará a ser assegurada pelo “Vólcan de Tijarafe”. 

Para promover esta escala, localizada estrategicamente na confluência entre o Atlântico e o Mediterrâneo, o Porto de Portimão integrará a delegação portuguesa na Seatrade Europe, a mais importante convenção sobre o turismo de cruzeiros que se realiza na Europa e que está marcada para a cidade alemã de Hamburgo, entre 27 e 29 de Setembro.

A representação nacional neste evento bienal integra também os portos de Açores, Leixões e Lisboa. 

Segundo a Câmara de Portimão, este ano o movimento de navios de cruzeiro no porto desta cidade «vai conhecer um crescimento de 23 por cento relativamente ao ano passado, estando previstas até ao final de Novembro um total de 66 escalas». 

No que toca à sua modernização, a autarquia salienta que «continua por concretizar o prolongamento do cais de acostagem, que permita acolher simultaneamente dois navios de grande dimensão, e a dragagem de estabelecimento de fundos a dez metros na barra, canal de navegação e bacia de manobra, assim como a aquisição de um rebocador de apoio às operações em porto e navegação na costa, dotado com equipamento de salvamento e de combate à poluição, e a construção de um moderno terminal de passageiros».

Comentários

pub
pub