Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de VRSA comemorou 10º aniversário

A Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Vila Real de Santo António fez um trabalho de qualidade […]

A Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Vila Real de Santo António fez um trabalho de qualidade na proteção de crianças e jovens, ao realizar um trabalho em rede com as diversas instituições e projetos parceiros. 

As conclusões foram apresentadas durante o seminário «Proteção e Promoção da Infância: políticas públicas nacionais, regionais e locais», que esta sexta-feira teve lugar em Vila Real de Santo António e reuniu uma dezena de entidades.

Durante o seminário, que se destinou a assinalar o 10º aniversário da CPCJ local, foi deixada a mensagem de que «cabe a todos os cidadãos trabalharem para a não existência de crianças em risco», compromisso que os serviços da autarquia vilarrealense afirmam já assegurar «diariamente nas muitas intervenções e atendimentos diários da Divisão de Ação Social».

No encontro, foram igualmente divulgadas as valências do Sistema Nacional de Promoção e Proteção dos Direitos das Crianças e caracterizadas as políticas para a sua execução.

O fórum de debate terminou com a apresentação dos projetos locais que têm sido desenvolvidos no concelho, nomeadamente o trabalho realizado pelo Centro de Acolhimento Gente Pequena, o Projeto Escolhas Vivas e o Programa Integrado de Educação e Formação.

Decorreram ainda atuações da tuna juvenil da Junta de Freguesia de Vila Real de Santo António e do grupo de Flamenco do Projeto Escolhas, atividades que se destinam à correta ocupação dos tempos livres dos jovens vilarrealenses e à sua integração na comunidade local.

Comentários

pub