A água e as suas transparências na pintura de Meinke Flesseman mostram-se no Museu de Portimão

Exposição pode ser visita até 14 de Outubro. E merece bem uma visita.

Meinke Flesseman até tinha dito que não queria falar, mas José Gameiro instou-a a dizer algumas palavras sobre a sua exposição “Segredos de Verão”, que abriu no sábado no átrio do Museu de Portimão.

E a artista holandesa que quase nasceu no Algarve e por isso fala português na perfeição, com um ligeiro sotaque algarvio, disse que «a água» é o elemento dominante desta sua mostra, a água do mar, a água da piscina, as suas cores e transparências. Mas nem era, de facto, preciso que ela o dissesse, porque estava ali bem visível, nos seus quadros.

A exposição «Segredos de Verão» de Meinke Flesseman, que agora vive e trabalha em Olhão, pode ser vista até 14 de Outubro. Pode ser visitada às terças-feiras, das 14h30 às 18h00, e de quarta a domingo, das 10h00 às 18h00. O Museu fecha à segunda e à terça-feira de manhã.

 

Fotos: Elisabete Rodrigues | Sul Informação

 

 

Comentários

pub
pub